294- Maio/2017 - Prateleiras infinitas

Os diferentes xaropes

tosse 15

Entender o porquê de o sintoma aparecer e como ele se apresenta são dois dos principais fatores para tratar da maneira correta e com o medicamento mais indicado.

A tosse está presente na vida das pessoas por diferentes motivos. É um reflexo do aparelho respiratório contra um corpo estranho ou secreção que poderia chegar ao nível dos pulmões ou uma consequência de um processo irritativo. Se estiver presente por até duas semanas, é considerada aguda, enquanto um quadro persistente (a partir da terceira semana) é nomeado crônico. Além disso, é classificada entre produtiva (com expectoração) ou não produtiva (seca).

 

xarope 15Para tosse seca: agem em nível central ou periférico sobre células liberadores de mediadores pró-inflamatórios (opioides e anti-histamínicos) com o intuito de aliviar o incômodo do paciente, em especial à noite.

Para tosse com secreção: os fármacos mucolíticos e expectorantes têm ação sobre o sistema mucociliar e auxiliam na expectoração da secreção, ao reduzir a viscosidade e a consistência do muco, ao aumentar a secreção aquosa pelas glândulas, intensificando o volume de secreção e promovendo a limpeza mucociliar e, por fim, estimulando o reflexo da tosse.

Fonte: Doutora em farmacologia de produtos naturais pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e professora pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) nos cursos de Farmácia, Enfermagem e Fisioterapia, Camila Montenegro.

 

Clique aqui para ver a matéria completa!

Fonte: Guia da Farmácia

Imagem: Shutterstock

{jathumbnail off}