fbpx

AbCellera colabora com a Novartis para descoberta de anticorpos

Pelo acordo, a AbCellera deve receber acesso à tecnologia, financiamento de pesquisa, entre outros

A AbCellera, líder em tecnologia na descoberta de anticorpos terapêuticos a partir de repertórios imunológicos naturais, anunciou uma colaboração multi-alvo e plurianual com a Novartis. Sob o acordo, a AbCellera aplicará sua expertise em descoberta de anticorpos e sua tecnologia de triagem unicelular para avançar programas em até dez alvos eleitos pelo parceiro farmacêutico.

Nos últimos três anos, a AbCellera completou, com sucesso, mais de trinta programas de descoberta de anticorpos, incluindo acordos com sete empresas farmacêuticas globais e empresas de biotecnologia de alto nível, públicas e de risco. Aplicando a melhor tecnologia e inovação personalizada para cada projeto, a AbCellera permite programas para qualquer classe alvo, incluindo proteínas difíceis de membrana de múltiplas passagens, e fornece, aos seus parceiros, uma vantagem competitiva por meio de diversidade, velocidade e qualidade.

A AbCellera é uma empresa privada que se envolve em parcerias para descobrir e desenvolver anticorpos terapêuticos de última geração. A plataforma de célula única  integra recursos de ponta a ponta para a descoberta de anticorpos terapêuticos por meio de uma combinação de tecnologias, incluindo imunizações proprietárias, microfluídica, geração de imagens de alta produtividade, genômica, computação e automação de laboratório. A triagem ultra-profunda de células B simples permite acesso sem precedentes a respostas imunológicas naturais, permitindo o rápido isolamento de grandes e diversos painéis de anticorpos de alta qualidade de qualquer espécie, incluindo humanos.

Sob os termos do contrato com a Novartis, a AbCellera é elegível para receber acesso à tecnologia, financiamento de pesquisa, pagamentos de marco de referência e royalties sobre vendas líquidas de produtos.

Boehringer faz parceria para novas terapias em transtornos psiquiátricos

 

Deixe um comentário