HPC

Abihpec apresenta cenário de avanços e desafios em proteção solar

Encontro internacional discorreu sobre os principais avanços e perspectivas da área de proteção solar

A 6ª edição do Webinar Internacional Inovação Abihpec de Proteção Solar, realizado de 16 a 18 de junho pela Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos.

O evento contou com a participação de renomados palestrantes de todas as partes do mundo, que apresentaram temas de alta relevância para o setor de HPPC.

O encontro, que foi coordenado pelo Diretor de P&D e Fellow da Johnson & Johnson Brasil e membro do Conselho Científico-Tecnológico da Abihpec, Sérgio L. Oliveira, abordou os desafios atuais relacionados a ingredientes e formulação de protetores solares, aspectos socioambientais, o olhar atual da dermatologia e os esforços em harmonização internacional sob o escopo da ISO.

Durante a abertura do webinar, o presidente-executivo da Abihpec, João Carlos Basilio, exaltou a importância da proteção solar como essencial para a proteção à vida e a promoção da saúde das pessoas.

Ele também enfatizou o potencial de desenvolvimento da área no Brasil, tendo em vista a alta incidência solar durante o ano todo e a solidez do segmento no país, que apresentou alta de 7,7% em valor de vendas ex-factory, no primeiro trimestre de 2021, segundo o Painel de Dados de Mercado da entidade.

Dessa maneira, o primeiro dia do evento foi marcado pela participação do Chairman da ISO em proteção solar, Uli Osterwalder, que falou sobre o papel da instituição na harmonização global de padrões para o segmento.

Painéis

O webinar contou ainda com os painéis do Diretor do Instituto de Recursos Naturais da Universidade Federal de Itajubá/MG e membro do Conselho Científico-Tecnológico da Abihpec, Marcelo Corrêa, que expôs dados recentes de aspectos socioambientais da proteção solar no Brasil e em outras regiões tropicais.

A terceira participante do dia, a Coordenadora de Avaliação de Desempenho de Produtos da L´Oréal Brasil, Daphine Clemente, discorreu, então, sobre as atualizações nos métodos para a determinação in vivo e in vitro do FPUVA.

Já no segundo dia, o Diretor de Assuntos Médicos, Operações Clínicas e Pesquisa de Produtos da Beiersdorf (EUA), Eduardo Ruvolo, mostrou, dessa maneira, os avanços sobre a metodologia alternativa para a determinação do Fator de Proteção Solar (FPS).

Método HDRS, que baseia-se, portanto, na espectroscopia de reflectância difusa não invasiva; bem como sobre o plano estatístico para caracterização ou validação de métodos alternativos para FPS.

Mais apresentações

O Presidente da Sun & Skin Consulting LLC (EUA), Dr. Curtis Cole, apresentou as atualizações das normas ISO para a determinação do Fator de Proteção Solar (ISO 24444) e também para a determinação da resistência à água.

Curtis discorreu ainda sobre as mudanças com a revisão da regulação de protetores solares nos Estados Unidos.

Já o Chefe do Departamento de Pesquisa e Desenvolvimento de Protetores Solares e Cuidados da Pele da DSM (Suíça), Jurgen Vollhardt, abordou o impacto da fotoestabilidade para consumidores, formuladores e o meio ambiente.

No terceiro e último dia do webinar, o Líder Global de Política de Ingredientes da Johnson & Johnson (EUA), Kurt Reynertson, ministrou painel sobre os desafios da área de proteção solar em relação à regulamentação, legislação e aspectos ambientais.

Na sequência, a visão atual da dermatologia sobre a fotoproteção, foi apresentada pelo Médico Dermatologista e Diretor da Medcin Instituto da Pele, Sérgio Schalka

Por fim, um panorama sobre os principais desafios para a formulação de fotoprotetores, foi apresentado pelo Especialista em Inovação da Basf Brasil, Vinícius Bim.

Oito erros quanto ao uso de protetor solar 

Fonte: Abihpec 

Foto: Shutterstock

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário