Amazon anuncia a compra de e-commerce do varejo farmacêutico

Empresa causa queda em ações de outras companhias do setor

Após entrar no varejo alimentício, com a compra da Whole Foods, a Amazon entrará no mercado farmacêutico. A empresa acaba de informar que comprará o grupo on-line de farmácias PillPack, em um pequeno passo, mas significativo, no segmento de saúde nos Estados Unidos, pesando sobre ações de varejistas e distribuidores de medicamentos.

O movimento já era esperado por investidores em companhias de saúde já estabelecidas, que temiam o potencial da maior varejista online do mundo de mudar o complexo negócio farmacêutico dos Estados Unidos.

O acordo para a aquisição da PillPack colocará a Amazon em concorrência com varejistas e distribuidores como a CVS Health e a Walgreens Boots Alliance. As ações de ambas as empresas recuaram aproximadamente 9% no início dos negócios, enquanto os papéis de atacadistas McKesson, Cardinal Health e AmerisourceBergen caíram acentualmente.

O presidente-executivo do Walgreens, Stefano Pessina, disse que não estava “particularmente preocupado” com o acordo da PillPack, em teleconferência com analistas sobre os resultados, descrevendo a compra como uma “declaração de intenção” da Amazon.

Fonte: Globo Online
Foto: Shutterstock

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário