Anemia Ferropriva

Na gestação, é preciso um maior aporte de ferro para evitar anemia

Independente da fase da gestação, é muito importante que a mulher tenha sempre uma dieta saudável, rica em frutas, verduras, legumes, castanhas e cereais integrais, além de evitar as gorduras saturadas, o açúcar e a farinha branca.

Mesmo assim, ela precisará de um maior aporte de ferro, em torno de 30 mg/dia no segundo e terceiro trimestre para evitar anemia, complementa a ginecologista e obstetra do Hospital e Maternidade São Luiz Itaim, Dra. Mariana Halla. Ácido fólico 400-800 mcg/dia, principalmente no primeiro trimestre, e cálcio de 1.000 a 1.300 mg/dia, especialmente nos últimos meses de gestação, quando ocorre a mineralização dos ossos do feto.

De forma geral e resumida, a ginecologista e obstetra do Hospital e Maternidade São Luiz Itaim destaca:

1. Primeiro trimestre: ácido fólico, prevenção de defeitos do tubo neural e lábio leporino.

2. Segundo trimestre: ferro e prevenção da anemia ferropriva.

3. Terceiro trimestre: cálcio e a mineralização óssea, ômega 3 e formação do cérebro e retina fetal.

Foto: Shutterstock

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário