HPC

Aumente as vendas de produtos de HPC para o mercado masculino na farmácia

Confira dicas em parceria com a Mind Shopper para potencializar os resultados com este público

As mulheres ainda reinam entre as maiores interessadas no universo da beleza e nos produtos de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (HPC), mas os homens ganham uma evidência cada vez mais expressiva no setor. 

Segundo levantamento da Euromonitor Internacional, mercado global 2020, no que tange Men Care, o Brasil é o 2º colocado em consumo, enquanto em crescimento também ocupa mesma posição, perdendo apenas para a China. 

Além disso, a pesquisa projeta um crescimento de 9,3% no Brasil para os próximos cinco anos. Portanto, é importante destacar e expor adequadamente as categorias masculinas, pois, em geral, elas representam menos de 5% das vendas da farmácia, mas possuem margem acima de categorias de maior giro, como cuidados com cabelos ou cuidados com a pele, por exemplo. Então, como a farmácia pode atingir esse público e conquistar mais consumidores?

De acordo com a consultora da Mind Shopper, Beatriz Gusmão Pinheiro, o primeiro passo é dar atenção ao gerenciamento de categorias. Quando o homem vai à farmácia, ele tende a ficar menos tempo e comparar menos. Diferentemente das mulheres, a compra deles é muito mais prática e objetiva. Pensando neste perfil, o ideal é destinar um espaço para gênero masculino, buscando facilitar a compra objetiva deste shopper, tornando-a mais agradável. 

Então quais categorias devem compor este espaço? Cabelos, barba e hidratantes merecem destaque. 

Uma vez destinado o espaço, próximo passo é verticalizar as marcas: importante avaliar o range de preço de cada uma delas, assim é possível que o shopper avalie todas as opções. Além disso, é importante agrupar os mesmos tipos de embalagens e itens menores devem anteceder os maiores. Assim, é possível facilitar a compra do shopper com todas as possibilidades no mesmo espaço e de forma harmoniosa.

E os itens de HPC masculino também têm espaço nas gôndolas do checkout? 

Beatriz explica que o checkout é o último ponto de contato do shopper e possibilita o aumento de tíquete médio, giro e apresentação de lançamentos e novidades. Então, o Ideal é trabalhar os menores itens e com baixo desembolso, como preservativos e lâminas para barbear, por exemplo.

Dicas para aumentar as vendas dos produtos de HPC masculino na farmácia

  • Trabalhe um sortimento abrangente nas categorias foco, como desodorantes, barba e preservativos, considerando as principais marcas. Para as demais categorias, apenas os principais itens. 
  • Tenha promoções para o aumento de volume com o benefício bem claro para o shopper, como packs promocionais nas categorias foco. 
  • Busque promoções para incentivar a venda de itens complementares em barba (Exemplos: espuma + aparelho, aparelho + pós-barba, xampu + bálsamo). 
  • Em datas sazonais, tais como carnaval e dia do sexo, multiplique a exposição de produtos comuns no período, além do ponto onde naturalmente ficam. 
  • Exponha os produtos sempre agrupados, em corredores de alto fluxo e na entrada da loja. Isso porque os homens buscam menos ajuda do que as mulheres, exploram menos a loja e se não encontram rapidamente, tendem a desistir da compra.

 

Fonte: Guia da Farmácia em parceria com a consultoria especializada em ponto de venda, Mind Shopper. 

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário