Casos de pedra nos rins aumentam até 80% no calor

Especialista do Hospital 9 de Julho alerta para aumento de casos de pedra nos rins no período do verão, quando o calor exige muita hidratação

O aparecimento das populares pedra rins acometem mais no calor, período propício para o cálculo renal, períodos de temperaturas mais altas e, nessa época, é preciso prestar mais atenção.

De acordo com estudos, no verão o número de casos de cálculo renal pode aumentar em até 80%.

O urologista chefe do Centro de Cálculo Renal do Hospital 9 de Julho, Dr. Fabio Vicentini, explica que o aumento da transpiração, bem como as mudanças na alimentação comuns no verão são os principais responsáveis pelo crescimento dos casos de cálculo renal.

No calor, portanto, o corpo elimina mais água pelo suor e uma desidratação, mesmo que leve, prejudica o trabalho dos rins. 

“Os rins não responsáveis por realizar a filtragem de substâncias que o corpo não utiliza, entre eles os sais minerais. Esses elementos podem, dessa maneira, se agrupar e formar cristais que, acumulados, se transformam nos cálculos”, explica o especialista.

Como evitar as pedras nos rins no calor

Para evitar essa formação, é fundamental aumentar a ingestão de líquidos no calor.

“Um bom indicador de que a pessoa está bebendo a quantidade certa de líquidos é a coloração da urina. Isso porque quando ela está bem clara, é sinal de que o corpo está hidratado.”

Além de água, o urologista recomenda, assim, o consumo frequente de  sucos de frutas cítricas, que contribuem para prevenir a formação dos cristais.

Além das bebidas, é importante observar também a alimentação.

“Para a melhor saúde dos rins, deve-se manter uma dieta com muitas verduras, bem como legumes e frutas, e diminuir a quantidade de frituras e de proteína, que aumenta o índice de ácido úrico e a acidez da urina colaborando para a formação das pedras . Além disso, é fundamental reduzir o consumo de sódio.”, explica Vicentini.

No verão, também aumenta a oferta de frutos do mar, mas é preciso moderação. “Eles possuem níveis elevados de ácido úrico, que é um dos elementos responsáveis pela formação de cálculos renais.”

Cólica renal: sintomas, causas e tratamentos 

Fonte: Hospital 9 de Julho

Foto: Shutterstock

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário