CFF regulamenta as atividades do farmacêutico no processamento de produtos para saúde

Foram definidas, durante a 515ª Reunião Geral do CFF, cerca de 31 atividades do farmacêutico. Confira as principais

Com embasamento em uma proposta de texto enviada pelo Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo (CRF-SP), o Conselho Federal de Farmácia (CFF) aprovou a resolução que regulamenta as atividades do farmacêutico no processamento de produtos para saúde.

A proposta, aprovada por unanimidade pelos conselheiros de todo o país, foi apresentada pelo conselheiro federal por São Paulo, Dr. Antonio Geraldo dos Santos durante a 515ª Reunião Geral do CFF, que aconteceu no último dia 25 de março. “Abrimos um novo campo de atuação para o farmacêutico”, destacou o Dr. Antonio Geraldo.

Entre as 31 atividades do farmacêutico definidas pela resolução estão:

  • Coordenar todas as etapas dos processos relacionadas ao processamento de produtos para saúde.
  • Garantir a implementação das normas de processamento de produtos para saúde.
  • Colaborar na implantação dos processos de rastreabilidade das etapas do processamento de produtos para saúde.
  • Avaliar os indicadores de processos químicos, biológicos e testes de novos produtos.
  • Realizar a análise cromatográfica residual no caso de esterilização por processos gasosos como por exemplo, óxido de etileno.
  • Realizar testes de cultura microbiana e de esterilidade.

Confira as demais atribuições da resolução 

Fonte: CRF-SP

Foto: Shutterstock

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário