Como posicionar os MIPs corretamente no PDV?

A consutora especializada em varejo, Silvia Osso, dá importantes dicas de como os MIPs devem ser organizados na prateleira das farmácias

Com a pandemia pela Covid-19, houve uma verdadeira corrida às farmácias em busca de medicamentos que contribuíssem para o fortalecimento do organismo ou tratamento de males menores sem a necessidade de auxílio hospitalar.

Confira as dicas da consultora especializada em varejo farmacêutico, Silvia Osso, para posicionar corretamente os Medicamentos Isentos de Prescrição (MIPs) no ponto de venda (PDV).

Mix e sortimento: esses itens já fazem parte da composição do mix das farmácias, mas para a passagem da parte interna (atrás do balcão) para a externa (gôndolas laterais), deve ser feito um estudo levando em consideração a Curva ABC, por subgrupo, a fim de excluir aqueles que não têm giro na farmácia.

Organização: os produtos devem ser agrupados por indicação e separadas, basicamente, pelos seguintes subgrupos:

  • Dor, analgésicos e febre.
  • Gripes e resfriados.
  • Gastrointestinais.
  • Vitaminas, minerais e suplementos.
  • Cuidados olhos e boca
  • Cuidados do sistema circulatório.
  • Cuidados do sistema urinário e reprodutivo.
  • Calmante e humor.
  • Perda de peso.
  • Primeiros socorros

Posicionamento: o local ideal para a arrumação é nas gôndolas laterais, próximo ao balcão de medicamentos, pois assim permite-se que os clientes possam pedir ajuda dos balconistas ou estes o possam ajudar quando os veem indecisos.

Sinalização visual: deve fornecer orientações sobre a indicação e utilização, facilitando a busca pelo produto. É recomendável ter um funcionário com conhecimento para ajudar o cliente na busca, caso tenha dificuldades.

Sazonalidade: há os medicamentos típicos de inverno (antigripais, antitérmicos, xaropes, etc.) e os de verão (antiácidos, analgésicos e medicamentos para enjoo).

Porém, a organização não precisa obedecer à sazonalidade e, sim, à indicação: há resfriados em todos os meses do ano e assim por diante.

Nesse sentido, alguns itens sazonais podem ser colocados em Pontos Extras no checkout, em ponta de gôndolas, sobre os balcões ou em cubos expositores.

Atenção Farmacêutica: utilizar a Atenção Farmacêutica como forma de conscientização sobre uso correto de Medicamentos Isentos de Prescrição (MIPs) no ponto de venda (PDV) é uma atitude cidadã e também uma possibilidade para atrair e fidelizar clientes.

A inclusão de orientações em folhetos de ofertas, folders orientadores e utilização de mídias sociais para conscientizar os clientes são interessantes e trazem ótimo retorno.

Fonte: Guia da Farmácia

Foto: Shutterstock

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário