CRF-SP cria grupo técnico de trabalho na área de cuidado farmacêutico em cuidados paliativos

Constituídos por farmacêuticos voluntários, os GTTs se reúnem para discutir temas pertinentes às suas áreas de atuação

O Conselho Regional de Farmácia de São Paulo (CRF-SP) criou mais um Grupo Técnico de Trabalho (GTT), desta vez voltado para a atuação dos farmacêuticos em cuidados paliativos.

Constituídos por farmacêuticos voluntários, os GTTs se reúnem para discutir temas pertinentes às suas áreas de atuação, além de defender, manter e ampliar o âmbito profissional, bem como assessorar a diretoria do CRF-SP.

Para coordenar o GTT de cuidado farmacêutico em cuidados paliativos, a convidada foi a Dra. Daniela Archanjo, farmacêutica hospitalar com ênfase em farmácia clínica, qualidade e segurança do paciente, também consultora e docente.

Tem em seu currículo a atuação por sete anos no grupo de cuidados paliativos do Hospital Estadual Mário Covas, em Santo André, no ABC Paulista, onde planejava ações de educação farmacêutica para enfermeiros e outros profissionais envolvidos no cuidado ao paciente, como via de administração da hipodermóclise, elaboração de listas de compatibilidades de medicamentos, participação em reuniões de acolhimento e comunicação de más notícias.

“Realizava visitas à beira do leito com equipe multiprofissional para avaliação das principais queixas e comunicações dos pacientes”, detalha a Dra. Daniela.

GTT

Na avaliação dela, portanto, a criação do GTT em cuidado farmacêutico em cuidados paliativos será fundamental para difundir ao farmacêutico informações técnicas sobre esse campo de atuação.

E também de caráter humanitário e que tem grande demanda de profissionais que atendam a esse perfil.

Dessa maneira, então, a farmacêutica pontua: “A ideia é que o grupo possa fomentar o CRF-SP na elaboração de documentos, cartilhas e cursos sobre essa área”.

Atuação

São muitos os anseios dos farmacêuticos atuantes em cuidados paliativos, sendo alguns deles, de acordo com a coordenadora, a difusão de ideias de novos rumos, aliando a formação tecnicista e humanitária, com qualidade na condução da vida e na sua terminalidade, focado em promover a diminuição aos sintomas enfrentados pelos pacientes e seus familiares.

Farmacêuticos interessados em participar do Grupo Técnico de Trabalho podem contatar o departamento responsável: [email protected]

Informe técnico oferece subsídios para o farmacêutico no atendimento a pacientes com Covid-19 ou gripe 

Fonte: CRF-SP

Foto: Shutterstock

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário