Donos da DPSP voltam a negociar com Femsa

A transação poderia girar em torno de R$ 12 bilhões a R$ 15 bilhões

o Grupo DPSP, proprietário das redes Drogarias Pacheco e Drogaria São Paulo, voltou a negociar a venda de 100% da operação para o grupo Femsa. A transação poderia girar em torno de R$ 12 bilhões a R$ 15 bilhões.

As empresas iniciaram a negociação no ano passado, mas divergências em relação a preço atrapalharam o acordo. Mais conhecida como a engarrafadora da Coca-Cola, a Femsa administra um braço formado por cerca de três mil farmácias no México, Colômbia, Chile e Equador.

DPSP triplica e-commerce e aposta no futuro de farmácias físicas 

Foto: DPSP

Fonte: Valor Econômico

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário