EMS lançará quatro medicamentos até 2020

A EMS planeja lançar quatro novos medicamentos nas áreas de endocrinologia, gastrenterologia e imunopediatria até 2020

O laboratório farmacêutico brasileiro, EMS, tem investido consistentemente em inovação, dentro e fora do Brasil. Assim, com o objetivo de buscar de ampliar o acesso da população à saúde. Dessa forma, o laboratório prevê o lançamento, até o próximo ano, de pelo menos mais quatro produtos, desenvolvidos pela área de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) no Brasil. Os fármacos, já em avaliação pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), são voltados para as áreas de endocrinologia, gastroenterologia e imunopediatria. Eles poderão auxiliar no tratamento de doenças como obesidade, síndrome dispéptica (gastrite e empachamento), rinite e processos inflamatórios das vias aéreas superiores.

A empresa ainda planeja lançar, pelo menos, cinco produtos por ano a partir de 2021. Além disso, ela pretende que as inovações passem a ser, nos próximos anos, 50% de todos os lançamentos disponibilizados ao mercado.

“A decisão da EMS de apostar no desenvolvimento de um produto inovador parte da atuação da empresa em parceria com a classe médica. Isso auxilia na identificação e atualização das necessidades dos pacientes”, diz o diretor médico-científico da EMS, Roberto Amazonas.

A empresa aposta em diferentes frentes de inovação no Brasil. São elas: inovação incremental, inovação substancial e inovação com genéricos de alta complexidade. Além disso, atua no campo de biotecnológicos, por meio da Bionovis, empresa da qual a EMS é uma das farmacêuticas acionistas.

Lançamento de medicamentos da EMS

São alguns exemplos de produtos inovadores já lançados pela empresa: o Patz SL, zolpidem de uso sublingual; o Esogastro IBP, para tratamento do Helicobacter pilory; o Condres, colágeno tipo II não hidrolisado para a saúde articular; e o Fixare, produto para suplementação da saúde óssea, entre outros.

“Temos muito orgulho da nossa trajetória de laboratório pioneiro no lançamento de genéricos no País. Porém, definitivamente, o nosso DNA hoje é de inovação. Todas as nossas unidades de negócios têm o foco no lançamento de produtos inovadores. Além disso, a própria empresa tem incentivado, cada dia mais, uma cultura de inovação. Isso tem sido feito com palestras com especialistas sobre o tema para o público interno”, afirma Amazonas.

A EMS destina 6% do seu faturamento anual em investimentos em seu centro de P&D

Nos Estados Unidos, a EMS trabalha com uma frente de inovação radical (disruptiva), por meio da Brace Pharma, com foco em trazer terapias inovadoras aos pacientes. Hoje, a Brace possui 13 parcerias vigentes. Elas estão em áreas como oncologia, cardiologia e sistema respiratório e doenças neurodegenerativas, metabólicas e autoimunes. Dessa forma, na Brace, R$1 bilhão têm sido investidos desde 2013 para levar terapias inovadoras aos pacientes.

Foto: EMS
Fonte: Guia da Farmácia

Prati-Donaduzzi projeta 170 lançamentos em 2019

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário