HPC

Exportações do setor de HPC cresceram 16% no primeiro semestre de 2021

A indústria exportou US$ 332.7 milhões no acumulado do ano, até junho. Produtos para cabelos e desodorantes impulsionaram o cenário de alta

 Apesar dos desafios enfrentados pelo setor de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (HPC) em meio às mudanças de comportamento do consumidor e às limitações impostas pela pandemia, a indústria realizou a exportação de US$ 332.7 milhões no acumulado do ano, até junho, o que corresponde a uma alta de 16%.

De acordo com a  Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec), o crescimento foi impulsionado principalmente por produtos para cabelos, com faturamento de US$ 73.9 milhões, e desodorantes, que acumularam US$ 37.7 milhões em exportações.

No entanto, no primeiro semestre de 2021, a balança comercial para o setor segue deficitária em US$ 33.9 milhões.

Valor este 180,2% superior em relação ao mesmo período de 2020 (US$ – 12.1 milhões).

Dessa maneira, o cenário geral da balança comercial do setor nos seis primeiros meses do ano foi influenciado pelos indicadores de junho.

Tendo em vista, contudo, que o mês registrou, pela primeira vez em 2021, superávit de US$ 0.5 milhão no saldo da balança comercial.

Itens de HPC com maior índice de exportação  

Entre os produtos mais exportados em junho, aparecem os sabonetes (US$ 13.5 milhões), produtos para cabelos (US$ 12.9 milhões) e desodorantes (US$ 7.2 milhões) com altas de, respectivamente, 3%, 43,8% e 34,8% em relação ao mesmo período do ano anterior.

“A movimentação da balança comercial do setor de HPC demonstrou reação positiva nas exportações, dado que reforça o empenho da indústria nacional de HPC para manter-se competitiva e atraente para outros mercados mesmo diante dos altos custos de produção e da alta carga tributária à qual o setor é submetido em nosso país“ afirma João Carlos Basilio, presidente-executivo da Abihpec.

No primeiro semestre de 2021, o setor de HPC teve aumento de 22,7% nas importações em relação ao mesmo período do ano anterior, somando, então, cerca de US$ 366.6 milhões.

Cremes para Pele, Protetores e Bronzeadores (US$ 71.5 milhões), fragrâncias (US$ 71.1 milhões) e produtos de Higiene Oral (US$ 43.0 milhões) foram os itens mais importados.

Empresas do Beautycare Brazil registram crescimento

As empresas participantes do Beautycare Brazil (Projeto de Internacionalização da Indústria Brasileira de HPC), criado pela Abihpec em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), registraram US$89,81 milhões em exportações no primeiro semestre de 2021, uma alta de 32% em relação ao mesmo período em 2020, que já acumulava um aumento de 13% no comparativo com 2019.

O Projeto Setorial Beautycare Brazil reúne 94 empresas exportadoras que vendem a 111 países.

Com cerca de 150 produtos destinados ao mercado internacional entre produtos acabados; ingredientes; embalagens; serviços laboratoriais e também acessórios (equipamentos, mobília, acessórios para salões de cabelereiros, produtos de beleza e afins).

Vendas do setor de HPC permanecem estáveis no 1º trimestre de 2021
Fonte: Abihpec

Foto: Shutterstock

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário