fbpx

Farmácia Popular tem reajuste de preços

População continua com medicamentos gratuitos

As unidades credenciadas ao Farmácia Popular receberam valores reajustados para ressarcimento de 20 medicamentos dispensados gratuitamente. A medida não impacta o usuário, que permanece retirando o produto gratuitamente. O Ministério da Saúde (MS) acompanhará a situação de abastecimento nas farmácias para garantir o atendimento.

Para aumentar a segurança de atendimento, o MS começou um processo de compra centralizada dos itens, que devem ser distribuídos para as cidades no caso de um estabelecimento desistir do programa. Assim, todos aqueles que precisarem de medicamentos para hipertensão, diabetes e asma terão garantidos a retirada na rede pública.

Veja Mais

A readequação de preços elimina as distorções de valores de produtos pagos pelo Governo Federal que, em alguns casos, chegavam a custar mais de 200% acima do mercado. A medida acontece após uma pesquisa com base no Sistema de Acompanhamento de Mercado de Medicamentos (Sammed), que aponta que os valores pagos pela pasta em 20 medicamentos estavam defasados ou acima do praticado pelo mercado.

Em algum casos, acontecerá do valor a ser pago ser maior. Com base nos varejos de referência, nove produtos terão aumento, sete terão redução e quatro devem variar de acordo com os impostos de cada estado.

Fonte: Infonet
Foto: Shutterstock

Deixe um comentário