fbpx

Farmácias promovem Campanha de Vacinação até 26 de abril

Rede RD luta para vencer dificuldades da legislação e fiscalização a fim de ampliar o serviço

Farmácias de todo o País mobilizam-se mais uma vez em torno das Campanhas de Saúde 2019 e entre os dias 22 e 26 de abril está sendo promovido um mutirão para alertar sobre a importância da vacinação em adultos e idosos. A ação é encabeçada pela Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma). 

“Desde dezembro de 2017, as farmácias e drogarias estão autorizadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a oferecer o serviço de vacinação por meio da RDC 197, o que aumenta consideravelmente a oferta de estabelecimentos para vacinação no País”, destaca o CEO da Abrafarma, Sergio Mena Barreto.

Contudo, apesar de estarem habilitadas para a aplicação de vacinas, as redes Droga Raia e a Drogasil afirmam, por exemplo, que ainda não conseguiram ampliar o número de lojas certificadas para a aplicação por conta das dificuldades impostas pela legislação e fiscalização, não só na cidade e no Estado de São Paulo, mas em todo o Brasil. A expectativa da RD era ter 90 lojas autorizadas para aplicar vacinas este ano, mas por causa dos requisitos dos órgãos reguladores, apenas 11 lojas foram habilitadas. “As exigências são inúmeras, o investimento é alto. E, apesar de haver leis permitindo a vacinação em farmácias, temos de pedir licença específica para cada loja. Mesmo assim, queremos ampliar esse serviço para toda a população. Somente a nossa rede tem mais de 1.850 lojas em 22 Estados. Até o fim do ano teremos mais de 2 mil lojas no Brasil. Imaginem se estivermos autorizados a aplicar vacinas em uma boa parte desses pontos. Estaríamos ajudando o governo a controlar diversas doenças, aliviando o atendimento no sistema público saúde. Seria um bem muito grande para toda a sociedade”, analisa o diretor de novos negócios da RD, Dioscoro Gomes.

Segundo o executivo, as vantagens de optar por tomar a vacina nas farmácias são muitas. “O cliente que procura nossas farmácias para tomar vacina sabe que vai encontrar um ambiente moderno, seguro, dentro dos padrões mais avançados. Além disso, ele sabe que não enfrentará filas e vai pagar um preço justo por um produto de alta qualidade”, justifica Gomes. A vacina contra a gripe custa R$ 88,55 nas farmácias da rede RD.

Falta de vacinação torna-se problemática no Brasil

Estatísticas nacionais apontam que aproximadamente seis em cada dez adultos não estão com a caderneta de vacinação em dia. “Esse é um número preocupante, pois os adultos também precisam se vacinar contra diversas doenças, como gripe, hepatite B, entre outras”, ressalta Barreto.  O executivo reforça que, para se manterem protegidos, adultos e idosos precisam receber reforços de algumas vacinas.

As campanhas de saúde encabeçadas pela Abrafarma integram o programa de Assistência Farmacêutica Avançada, que está transformando as farmácias brasileiras. Os serviços clínicos nas drogarias são legitimados pela Lei Federal n° 13.021/2014 e regulamentados pela Anvisa. Hoje, mais de 2.100 lojas de grandes redes oferecem o atendimento personalizado em cerca de 350 municípios brasileiros, com custos acessíveis e mediante o agendamento de consultas.

Fonte: Guia da Farmácia

Foto: Shutterstock

Movimento contra vacinação é ameaça à saúde

Sobre o autor

Guia da Farmácia

Premiado pela Anatec na categoria de mídia segmentada do ano, o Guia da Farmácia é hoje a publicação mais conhecida e lembrada pelos profissionais do varejo farmacêutico. Seu conteúdo diferenciado traz informações sobre os principais assuntos, produtos, empresas, tendências e eventos que permeiam o setor, além de Suplementos Especiais temáticos e da Lista de Preços mais completa do mercado.

Deixe um comentário