fbpx

Geolab lançará 26 novos SKUs em 2020

Em 2019, a Geolab lançou 20 novos SKUs e produziu mais de 5,1 bilhões de unidades fabris

A farmacêutica Geolab, que completou 20 anos em outubro, vem crescendo quase o dobro do mercado farmacêutico total em unidades. Em 2019, a farmacêutica cresceu 8,2% em unidades, em contrapartida aos 4,7% de crescimento do mercado total.

Já na venda de medicamentos genéricos, a Geolab cresceu 26,9% enquanto o restante do mercado cresceu apenas 6,4%. Este crescimento aproxima a farmacêutica da meta de alcançar a receita de R$ 1 bilhão em 2023, e de acordo com o presidente da farmacêutica, Georges Hajjar, a meta de R$ 2 bilhões já em 2025.

Para 2020 as expectativas da Geolab também são altas. A farmacêutica, que já lançou seis medicamentos só este mês, planeja lançar mais 20 SKUs ao longo do ano, incluindo medicamentos controlados, que serão lançados ainda este semestre. Desse modo, aumentando em 10% o seu portfólio.

Só durante o ano passado, foram 20 novos lançamentos, e 5,1 bilhões de unidades fabris produzidas.

A companhia, que se mantem a cinco anos consecutivos entre os maiores crescimentos do mercado farmacêutico, tem a meta interna de crescer pelo menos o dobro do mercado farmacêutico total a cada ano.

Além disso, a companhia, que inaugura a nova fábrica, localizada em Anápolis (GO), ainda este ano, trará novidades na área da saúde respiratória, contou o diretor comercial da Geolab, Gustavo Veber.

As informações da Geolab foram divulgadas hoje (19/02), na conferência da Federação Brasileira das Redes Associativistas e Independentes de Farmácias (Febrafar) e da Associação Brasileira de Distribuição e Logística de Produtos Farmacêuticos (Abradilan) de Líderes do Mercado Farmacêutico 2020, que ocorreu na capital paulista.

 

Geolab investe R$ 290 milhões em fábricas

 

Fonte: Guia da Farmácia

Foto: Ale Fotógrafo

Sobre o colunista

Victoria Nascimento

Deixe um comentário