Glutamina: o que é, como tomar e contraindicações

A glutamina é um aminoácido com diversos benefícios para o corpo e pode ser suplementada para atletas com alta carga de exercícios cardiovasculares

Você já ouviu falar da glutamina? Um dos aminoácidos com maior presença em nosso corpo está ganhando espaço nas prateleiras como suplemento alimentar. Isso porque o produto ajuda aqueles que realizam exercícios cardiovasculares, aumentando a sua performance.

De olho nos suplementos esportivos 

Entre os principais benefícios da glutamina são a melhora da integridade intestinal e da recuperação muscular. Porém, apesar de ser um suplemento alimentar e não um medicamento (e, por isso, não exigir receita médica), seu uso deve ser acompanhado por um profissional de saúde. 

Saiba mais sobre a glutamina, como consumi-la e suas contraindicações!

Como trabalhar suplementos alimentares infantis na farmácia? 

O que é glutamina?

Glutamina é um aminoácido livre em presença abundante no organismo. Cerca de 80% da glutamina corporal encontra-se no músculo esquelético e sua síntese é feita a partir do ácido glutâmico, bem como valina e isoleucina. 

Creatina: o que é, para o que serve e como usar 

Para o que serve?

A suplementação com glutamina traz benefícios para quem realiza longos exercícios cardiovasculares, assim diminuindo a amônia e, consequentemente, aumentando a performance. Ela também pode aumentar os estoques de glicogênio muscular (aumento de resistência)

Além disso, a suplementação pode ser feita em pacientes cardíacos ou perto de cirurgias cardíacas, por ser cardioprotetora. 

Circulação: saúde em movimento 

pessoa-treino-glutamina

Contraindicações

A glutamina só é indicada para indivíduos com 19 anos de idade ou mais e não deve ser consumido por gestantes.

Contudo, sempre consulte seu médico ou nutricionista antes de usar.

Efeitos colaterais

Ainda que o suplemento alimentar não cause efeitos colaterais, caso ingerido em excesso pode contribuir para dores estomacais e aumento de amônia.

Quais os benefícios da glutamina?

Entre os principais benefícios da glutamina, estão:

Como tomar?

Não existe um horário ou quantidade exata para consumo, sendo importante o acompanhamento profissional para a dose correta. Em geral, a quantidade diária em dietas de baixo teor proteico são de 5g diárias. Assim, o suplemento pode ser misturado à água ou bebida de preferência.

Além disso, uma das indicações do consumo da glutamina é após os treinamentos ou, em caso de dias sem treinamento, junto a qualquer refeição do dia.

Quais alimentos têm alta concentração de glutamina?

como-comer-glutamina

Alguns dos alimentos que possuem boa concentração, estão: carne vermelha, leite desnatado, milho, tofu e ovos.

Qual a diferença de glutamina e Bcaa?

Ainda que os dois sejam aminoácidos, há diferenças entre eles. O Bcaa é um aminoácido essencial, já a Glutamina é um não essencial, pois está em grandes concentrações no tecido musculares. Eles possuem formas de ações diferentes e podem ser usados juntos, desde que com acompanhamento profissional.

Precisa de receita?

Não. A glutamina não é considerada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) como um medicamento, mas como um alimento que dispensa registro.

Quanto custa?

O preço da glutamina depende do fabricante, mas um pote com 300g pode custar entre R$ 70 e R$ 80.

Conclusão

A glutamina é um aminoácido com diversos benefícios para o corpo e pode ser suplementada principalmente para atletas com alta carga de exercícios cardiovasculares – para aumentar sua performance. 

Porém, seu uso deve ser feito com o acompanhamento de um profissional de saúde (como médico ou nutricionista) para que seja avaliada a dose correta e possíveis efeitos colaterais do suplemento alimentar.

A glutamina também pode ser encontrada em diversos alimentos, como a carne vermelha e o leite desnatado, para quem deseja suplementar sem um produto químico. 

Suplementos Esportivos: Cada dia Melhor 

Fontes:

Catarinense Pharma

New Nuttition

 

Fonte: Guia da Farmácia

Fotos: Shutterstock

Não se automedique, consulte um profissional de saúde.

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário