Governo decide comprar vacinas contra a Covid-19 dos laboratórios Pfizer e Janssen

A decisão pela compra das vacinas dos dois laboratórios foi tomada em razão da aprovação pela Câmara de projeto que facilita a compra de vacinas por União, estados, municípios e empresas

Ministério da Saúde (MS) decidiu nesta quarta-feira (3) assinar contratos para compra de vacinas contra a Covid-19 dos laboratórios Pfizer e Janssen.

Os contratos estão em fase de elaboração.

E devem, assim, ser assinados até o início da próxima semana, com determinação da quantidade de doses a serem entregues.

Em reunião com representantes da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, informou à entidade que a elaboração do contrato com a Pfizer está em andamento e que o ministério está em negociações com a Janssen.

A Pfizer, no entanto, não confirmou.

A vacina da Pfizer é a única que tem registro definitivo aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A da Janssen recebeu aprovação de autoridades sanitárias de outros países.

Outras vacinas avaliadas pela Anvisa, como a CoronaVac e de Oxford, receberam somente a autorização para uso emergencial.

O governo vinha resistindo à compra de vacinas da Pfizer sob o argumento de que o laboratório impunha condições “draconianas”.

Contudo, a principal queixa do MS era a de que a Pfizer não se responsabiliza por eventuais efeitos colaterais da vacina.

A decisão pela compra das vacinas dos dois laboratórios foi tomada em razão da aprovação nesta terça (2) pela Câmara de projeto que facilita a compra de vacinas por União, estados, municípios e empresas.

De acordo o projeto aprovado, enquanto durar a emergência em saúde pública causada pela Covid-19, os três entes federativos estarão autorizados a comprar vacinas.

E também a assumir riscos relacionados a eventuais efeitos adversos pós-vacinação desde que a Anvisa tenha concedido registro ou autorização temporária de uso emergencial das vacinas adquiridas.

Fonte: G1

Foto: Shutterstock

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário