Grupo Tapajós digitaliza processos no atacado farmacêutico

Distribuidora movimenta 40% do faturamento da companhia

Como parte do investimento de R$ 15 milhões em tecnologia, o Grupo Tapajós implementou um sistema que permite a digitalização das operações e processos da sua distribuidora homônima.

A saber, o atacado farmacêutico responde por cerca de 40% do faturamento de R$ 1,1 bilhão da companhia.

Portanto, para garantir o agendamento dos produtos adquiridos e programados, com qualidade e menor tempo possível, a distribuidora automatizou o sistema de agendamento e promoveu uma revisão processual.

Essa decisão já garantiu uma melhora de 52% no nível de serviço de recebimento de cargas e a companhia passou a monitorar em tempo real os recebimentos nos CDs.

“A indústria, por meio de sua distribuição, pode selecionar a data disponível para entrega na doca”, destaca o diretor de supply chain e prevenção de perdas, Edson Nunes Ferreira.

Além do Grupo Tapajós agilizar esses processos, também já está incorporando à operação do atacado farmacêutico uma solução avançada.

Que permite, então, gerenciar, em tempo real, o desempenho da frota de veículos e da equipe de transportadores.

A Tapajós mantém quatro centros de distribuição (CDs) nas cidades de Belém (PA), Boa Vista (RR), Manaus (AM) e Porto Velho (RO), que atendem 3,1 mil clientes mensalmente e contam com 9 mil SKUs no portfólio – disponibilizados por 180 fabricantes.

Os complexos possibilitam abastecer as 125 farmácias de três bandeiras de varejo.

São elas a FarmaBem, a Flexfarma e a Drogaria Santo Remédio.

Grupo Tapajós anuncia parceria com Ifood e Uber Eats 

Fonte e foto: Grupo Tapajós

 

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário