fbpx

Grupo Tapajós investe na expansão das redes    

O Grupo conta com 125 lojas nas cidades de Manaus, Belém, Porto Velho e Boa Vista

 O Grupo Tapajós mantém as redes de drogarias Santo Remédio, Flexfarma e FarmaBem. São 125 lojas nas cidades de Manaus, Belém, Porto Velho e Boa Vista. Manaus é a cidade polo, com 109 farmácias.

Manaus concentra 48 lojas da Drogaria Santo Remédio, 46 da FarmaBem, 11 da Flexfarma e quatro da Flex Atacadão. No Pará, são oito complexos da bandeira Santo Remédio, localizadas em Belém e Ananindeua, além de um em Boa Vista. A região de Porto Velho abriga duas lojas da Santo Remédio e cinco da FarmaBem.

“A previsão para este ano é entregar três lojas da Drogaria Santo Remédio, sendo duas em Manaus no modelo drive-thru e uma delas no conceito Flagship. A terceira será em Porto Velho. O plano para 2021 é ampliar a atuação da rede na região metropolitana de Manaus. Para a bandeira FarmaBem não previsões de novos complexos. Vamos focar na revitalização da comunicação visual, bem com sua estrutura física. Em 2021, estamos apostando em um plano de expansão para a Flexfarma, mas em outro formato. Com esse novo conceito, devemos inaugurar mais de 20 lojas”, pontuou o diretor de marketing, vendas e consumer experience do Grupo Tapajós, Fernando Ferreira.

A Drogaria Santo Remédio já disponibiliza o serviço de delivery, nas cidades de Manaus e Porto Velho. “Projetamos oferecer em outras regiões, ainda este ano”, contou o executivo.

Mudanças trazidas pelo coronavírus

Devido ao coronavírus algumas mudanças aconteceram nas lojas. “Na rede de Drogarias Santo Remédio, aumentamos a operação nos atendimentos via call center, dobrando o número de colaboradores nesse setor, além de elaborarmos campanhas de comunicação interna para conscientização sobre medidas de prevenção. Lançamos para todas as bandeiras: Santo Remédio, FarmaBem, Flexfarma e Flex Atacadão a campanha “Heróis que cuidam de você”, feita especialmente para os funcionários das lojas, que atuam na linha de frente. Investimos em Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s) para a segurança e saúde de todos. Promovemos também treinamentos virtuais com as equipes de loja para garantir que todos os atendimentos sigam o devido padrão”, explicou Ferreira.

grupo tapajós

O grupo Tapajós enxerga o movimento das farmácias clínicas com muito otimismo e interesse. “O Grupo já vem investindo neste conceito há alguns anos em suas maiores bandeiras, Santo Remédio e FarmaBem. As farmácias clínicas já são uma aposta, pois as drogarias em muitas regiões costumam ser o primeiro local que o consumidor busca auxílio para dúvidas sobre saúde. A meta da companhia é que as lojas com os consultórios farmacêuticos, Farma Clinic e Cuidar Bem, sejam hubs de saúde, concentrando os investimentos em telemedicina, atendimento entre paciente e médico, por meio de nossa parceria com a plataforma Brasil Telemedicina. Atualmente utilizamos, em nossos atendimentos no Farma Clinic e Cuidar Bem, a Clinicarx, plataforma digital especializada em serviços farmacêuticos.  A Drogaria Santo Remédio conta com 17 salas Farma Clic, FarmaBem com seis do Cuidar Bem e a Flexfarma oferece atendimento com ambulatório”, contou o empresário.

Mudanças no Grupo Tapajós

Nas redes de drogaria Santo Remédio e FarmaBem, há procura por produtos veganos ou com fórmulas menos agressivas, principalmente quando falamos de cuidados pessoais e beleza. Em medicamentos, a busca é por tratamentos cada vez mais recentes e atuais desenvolvidos pelas indústrias farmacêuticas, levando em conta as pesquisas e estudos mais recentes para todo tipo de tratamento. Contudo, a FlexFarma tem baixa procura por itens veganos ou naturais”.

O Grupo Tapajós também está antenado na digitalização do consumidor. “Neste primeiro momento, concentramos as ações de investimento digital em nossa principal rede, a Drogaria Santo Remédio. Em breve, será lançado o e-commerce para a bandeira. Apostamos também no Google Ads e no inbound marketing com estratégias de SEO. Os investimentos são amplos para reforçar a nossa presença digital, com projetos que foram acelerados após a pandemia. A drogaria Santo Remédio possui canais de comunicação no Facebook, Instagram, Youtube, Twitter, site, Spotify e em breve e-commerce; já a FarmaBem tem canais no Instagram, Facebook, Youtube e estamos finalizando um novo site da FarmaBem; enquanto a Flexfarma também tem canais no Instagram, Facebook e estamos finalizando site”, concluiu Ferreira

Fonte: Guia da Farmácia

Fotos: Grupo Tapajós

*Conteúdo exclusivo do Guia da Farmácia. Ao reproduzir, colocar a fonte e o link para o texto original.

Sobre o colunista

Victoria Nascimento

Deixe um comentário