Impacto da metástase em pacientes com câncer de próstata

O surgimento de metástase prejudica significativamente a qualidade de vida da maioria (67%) dos pacientes com câncer de próstata

Quase 75% afirmam que tiveram de deixar de realizar atividades rotineiras – como trabalho, lazer e exercícios físicos – por causa do avanço da doença. Esses foram alguns achados da pesquisa realizada pelo Instituto Ipsos, a pedido da farmacêutica da Johnson & Johnson, Janssen.

O levantamento buscou entender como os pacientes lidam com o câncer de próstata e os principais impactos da doença, incluindo diferentes aspectos de suas vidas: físico, psicológico, emocional, social e econômico.

No Brasil, o câncer de próstata é o mais frequente entre os homens, depois do de pele não melanoma. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), são esperados 68.220 novos casos em 2019.

O levantamento revela que um em cada três homens nunca procurou um médico como medida preventiva, apenas recorrendo a um especialista depois de apresentar algum sintoma.

“O diagnóstico precoce é a chave para cura, pois de cada dez pacientes com doença localizada apenas na próstata (ou seja, câncer não metastático) de oito a nove serão curados”, explica o oncologista clínico e diretor médico do Centro Oncológico da BP – Beneficência Portuguesa de São Paulo, Dr. Fernando Maluf.

www.janssen.com

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário