Importância da boa higiene bucal no combate à Covid-19

Médico do Laboratório Teuto, Dr. Nirley Moreira. orienta sobre os cuidados na hora de escovar os dentes

Com a pandemia da Covid-19, uma das maiores preocupações é cuidar da higiene pessoal, principalmente das mãos. Mas a higiene bucal também deve ser intensificada, já que uma das portas principais de entrada do vírus é pela boca.

O cuidado redobrado com a higiene é de essencial para a saúde bucal, que ajuda a prevenir também outras doenças.

Manter uma boa higiene bucal é também uma importante forma de prevenção de doenças nesta pandemia.

“As mãos são imprescindíveis para o uso do fio dental, do higienizador da língua e da escova de dentes, é fundamental que estejam bem limpas, para que possamos levá-las até a cavidade bucal”, explica o médico responsável pelo Laboratório Teuto, Dr. Nirley Moreira.

Dr. Nirley reforça que o estado de saúde do paciente que contraiu a Covid-19 pode ser agravado.

Caso sua higiene bucal não seja realizada da maneira correta.

Ele lembra também que uma boa higienização da boca pode evitar, principalmente, problemas pulmonares que tornam a doença ainda mais perigosa.

“É imprescindível que façamos a higienização correta da língua e de todos os dentes, com um cuidado muito especial com os molares, aqueles que ficam mais próximos da garganta, para evitar a pneumonia por aspiração”, destaca.

A correta higiene bucal no combate da Covid-19

 Dr. Nirley revela a importância da escovação diária dentro das empresas, seguindo as medidas preventivas.

“É necessário que as pessoas abram as torneiras usando o cotovelo, lavem as mãos com água e sabão, não deixem materiais de higiene pessoal em cima da pia, além de higienizar a escova após esse processo. É importante colocarem a máscara imediatamente e evitarem qualquer proximidade com os colegas de trabalho”, destaca o médico, seguindo as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Outro alerta é para a troca da escova dental, que deve ser feita sempre que uma pessoa estiver se recuperando de alguma infecção, para evitar risco de recontaminação.

Além do uso diário do fio dental e do enxaguante bucal.

O médico diz que essas medidas são específicas para a higiene bucal durante esse período do novo Coronavírus, mas que devem ser levadas para o resto da vida.

Já que a qualquer momento as pessoas podem ser infectadas por outros vírus.

Higiene bucal: Saúde começa pela boca 

Fonte: Teuto

Foto: Teuto / Divulgação

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário