JPMorgan aumenta participação em Raia Drogasil, no plano de expansão

Com as operações, a participação do JPMorgan passou de 4,91% para 5,07% na Raia Drogasil. Algo em torno de 83,9 milhões de ações

O banco americano JPMorgan Chase aumentou a participação na Raia Drogasil, na esteira do plano de expansão anunciado pela companhia.

Na bolsa, as ações da empresa (RADL3) têm alta de 13% no ano, a R$ 25,25.

O JPMorgan diz que determinados fundos, veículos e contas de investimento geridos pelo banco compraram 2,7 milhões de ações ordinárias de empresa.

A última operação foi liquidada em 6 de outubro, de acordo com comunicado.

Segundo a instituição, o movimento não tem, dessa forma, a intenção de adquirir o controle ou influenciar a gestão da empresa.

Com as operações, a participação do JPMorgan passou de 4,91% para 5,07% na Raia Drogasil.

Algo em torno de 83,9 milhões de ações.

Trampolim   

Os papéis da Raia Drogasil ganharam um impulso a partir do anúncio da empresa, em 30 de setembro, de abrir um marketplace e mais 480 lojas em dois anos.

Em outubro, a alta das ações é de 7,8%.

Para os analistas do Bank of America, a empresa ainda pode subir mais na bolsa – o preço-alvo em último relatório é de R$ 29.

O argumento dos especialistas do banco é, contudo, de que a empresa deve ser beneficiada pela reabertura econômica.

Segundo a instituição, contaria a favor também a estratégia omnichannel da empresa e o aumento anual de preços de medicamentos.

Nas contas do Bank of America, a receita da Raia Drogasil deve aumentar em 16% no terceiro trimestre e 18% no quarto trimestre deste ano.

 

Fonte: Seu Dinheiro

Foto: Shutterstock

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário