Lucro da Novo Nordisk dispara quase 30% no 1º trimestre

Entre janeiro e março, o lucro líquido da Novo Nordisk atingiu 25,407 bilhões de coroas, o equivalente a cerca de R$ 18,9 bilhões

A Novo Nordisk, farmacêutica dinamarquesa, conhecida por medicamentos como o Ozempic, anunciou nesta quinta-feira, 2, um aumento de quase 30% do lucro no primeiro trimestre do ano.
Entre janeiro e março, o lucro líquido atingiu 25,407 bilhões de coroas (US$ 3,650 bilhões, o equivalente a cerca de R$ 18,9 bilhões), e faturamento subiu 24%, a 65,349 bilhões de coroas, acima das expectativas dos analistas.
Com os resultados, a Novo Nordisk revisou e aumentou suas previsões. A empresa acredita que o faturamento subirá entre 19 e 27% em 2024, contra a previsão de entre 18 e 26% anunciada em janeiro. “Mais pacientes estão sendo beneficiados por nossos tratamentos inovadores”, afirmou o CEO do grupo, Lars Fruergaard Jørgensen, citado no relatório trimestral.

Aumento na produção

Para administrar o crescimento, o grupo deseja aumentar a produção. “O acordo para adquirir três fábricas de produção da Catalent (uma empresa americana) nos permitirá atender significativamente mais pessoas que vivem com diabetes e obesidade no futuro”, disse Fruergaard Jørgensen.
O grupo registrou o maior aumento de vendas na América do Norte, 76% do total. As vendas dos remédios Wegovy (+106%) e Ozempic (+42%) dispararam, mas com aumentos abaixo dos registrados no ano passado.
O Ozempic é um remédio injetável para tratar diabetes, mas que virou moda nas redes sociais por seu efeito emagrecedor.
Fonte: Isto É Dinheiro
Foto: Novo Nordisk

Leia mais:

Os desafios que o sucesso do Ozempic trouxe para a Novo Nordisk

Deixe um comentário