fbpx

Mais velocidade na liberação de MIPs

Ferramenta da Anvisa promete aumentar o número de medicamentos isentos de prescrição disponíveis. Hoje, fila contabiliza 27 pedidos da indústria

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) lançou uma nova ferramenta que permitirá a análise mais ágil de pedidos da indústria farmacêutica para medicamentos isentos de prescrição (MIPs). O objetivo é simplificar processos, além de aumentar mais rapidamente o número de produtos disponíveis para a população.

A ferramenta é constituída por uma planilha programada para padronizar e reunir, em um único documento, o banco de dados de eventos adversos de diferentes empresas para o mesmo medicamento. Com isso,  as informações contidas na planilha serão consolidadas pela Anvisa e será possível fazer análises simultâneas e em um único local, sobre grupos de moléculas diferentes. Em menos de um ano, esta solução será disponibilizada para que as empresas do setor apresentem informações mais detalhadas sobre seus produtos. 

Fruto de uma parceria entre a Anvisa e a Associação Brasileira da Indústria de Medicamentos Isentos de Prescrição (Abimip), a iniciativa integra o processo de ampliação da lista de medicamentos que possuem perfil de segurança e uso compatível com a venda sem prescrição, de forma a garantir a ampliação do acesso da população à obtenção de tratamentos adequados.

Segundo a Abimip, atualmente, existe uma fila de 27 pedidos de MIPs em poder da Anvisa, que tem mais de 50 moléculas com potencial de reclassificação.

Fonte: Ascom/Anvisa

Foto: Shutterstock

 

Sobre o autor

Guia da Farmácia

Premiado pela Anatec na categoria de mídia segmentada do ano, o Guia da Farmácia é hoje a publicação mais conhecida e lembrada pelos profissionais do varejo farmacêutico. Seu conteúdo diferenciado traz informações sobre os principais assuntos, produtos, empresas, tendências e eventos que permeiam o setor, além de Suplementos Especiais temáticos e da Lista de Preços mais completa do mercado.