fbpx

Margem e markup: qual a diferença?

Muitos acreditam serem apenas nomenclaturas diferentes, mas com a mesma regra e aplicação, o que é uma inverdade

O tema margem e markup costuma-se gerar dúvidas não apenas em leigos, mas também em profissionais.

Afinal, muitos acreditam serem apenas nomenclaturas diferentes, com a mesma regra e aplicação, o que é uma inverdade.

Além disso, outras dúvidas costumam ocorrer: ‘Qual a melhor opção para o meu negócio?’, ‘Como aplicar os conceitos para formar o meu preço de venda?’ ou ‘Como apurar o resultado dos dois conceitos?’.

Assim, o instrutor da SimTax e autor do livro “AS MELHORES PRÁTICAS TRIBUTÁRIAS DE LUCRATIVIDADE E REGRAS DE NEGÓCIO DE MEDICAMENTOS PARA MAXIMIZAR SEUS RESULTADOS”, Jiovanni Coelho, esclarece essas questões.

Ele afirma que, em primeiro lugar, é preciso aprender como aplicar margem e markup e apurar seus resultados. Acompanhe.

O que é markup?

O markup é o conceito mais simples e também o mais aplicado na maioria dos negócios. Contudo, o fato de ser mais simples, não significa que é o melhor modelo.

O markup ou mark-up é um termo utilizado na economia e na contabilidade, que indica quanto o preço de venda do produto está acima do custo.

O mark-up pode ser apresentado de duas formas: valor ($) ou Percentual (%). Ele é adicionado ao custo total do produto ou serviço com objetivo de chegar ao preço de venda.

Dessa forma, por sua facilidade de aplicação, este é o método mais utilizado para formar o preço de venda. Entretanto, a facilidade não deve ser o critério para sua decisão.

É importante conhecer e diferenciar Mark-up de Margem para, dessa forma, fazer a melhor opção para o seu modelo de negócio.

Lembrete: “A Visão do Mark-up é sempre pelo custo e não pelo preço de venda”.

Quero saber mais sobre precificação de medicamentos!

Markup: como aplicar?

Em primeiro lugar, o preço de venda alcançado com o markup deve ser suficiente para cobrir não apenas todos os custos, como também despesas e impostos.

Além disso, deve gerar um lucro que irá manter a sustentabilidade da empresa. Assim, de forma simples e estruturada, estes são os elementos da formação de preço, podendo o markup ser um valor ou percentual.

Dessa maneira, em um cenário onde se tem o preço de aquisição no valor de R$ 100,00 e deseja-se ganhar sobre o seu valor um mark-up de 40%, teremos o seguinte cálculo:

Preço de venda = Preço de compra* (1+ markup %)

Preço de venda = 100,00* (1+40%). Neste caso, preço de venda = 100,00 * 1,40, e o resultado é: R$ 140,00

O que é margem?

Em síntese, margem é outro conceito para formação do preço de venda, que também tem como objetivo garantir a margem de lucro planejada.

Contudo, o conceito se diferencia do markup na forma de calcular e apurar. A apuração da margem tem como ponto de referência o preço de  venda.

Preço de venda = R$ 75 (custo) / [1 – 30,00% (margem)]. Então: Preço de venda = 75/ 0,70

Preço de venda = R$ 107,14

Em um cenário temos o preço de aquisição no valor de R$ 100,00 e deseja-se ganhar uma margem de 40%, se tem o seguinte cálculo:

Preço de venda = Preço de compra/(1-Margem%)

Preço de venda = 100,00/(1-40%). Então, preço de venda = 100,00/0,60

Preço de venda = 166,67

A grande vantagem da margem é na hora da comercialização.

Em resumo, pode-se utilizar o percentual da margem aplicada para dar o desconto, como uma situação de queima de estoque.

Margem e markup

Os dois conceitos são aceitos, mas a escolha depende do negócio. Entretanto, Jiovanni Coelho afirma sempre escolher a margem para empresas que aplicam o desconto sobre o preço de venda.

Para simplificar e ajudar no processo, vale entrar no site: www.SimTax.com.br e, na área do download, baixar o simulador de margem e markup.

Leitura imprescindível

especialista em pricing Jiovanni Coelho reuniu todo o conhecimento adquirido em anos de consultoria na indústria farmacêutica e em tributos em medicamentos no livro AS MELHORES PRÁTICAS TRIBUTÁRIAS DE LUCRATIVIDADE E REGRAS DE NEGÓCIO DE MEDICAMENTOS PARA MAXIMIZAR SEUS RESULTADOS.

Nesta obra, aborda os principais aspectos da tributação de medicamentos no País, explicando, detalhadamente, questões práticas com exemplos claros e fáceis de aplicar.

Quero saber mais sobre precificação de medicamentos!

Fonte: Guia da Farmácia

Foto: Shutterstock

Livro sobre tributos de medicamentos chega ao mercado em abril

Deixe um comentário