Abradilan: conexão com o futuro

Há 20 anos no mercado, a Abradilan distribui medicamentos e não medicamentos para 85% de todas as farmácias do País, conectando indústria e varejo e oferecendo o que há de melhor para a saúde e para o bem-estar da população

Constituída em 1998, a Associação Brasileira de Distribuição e Logística de Produtos Farmacêuticos (Abradilan) é formada por empresas distribuidoras de medicamentos, produtos para a saúde, artigos de Higiene Pessoal e Cosméticos (HPC) no mercado. Com 138 associados, tem como missão contribuir para o desenvolvimento e fortalecimento do mercado e de seus associados, promovendo a melhoria contínua e eficaz de seus serviços. 

Nos oito primeiros meses de 2019, os associados totalizaram R$ 3,9 bilhões em vendas de medicamentos e não medicamentos, 7% mais do que os R$ 3,7 bilhões registrados no mesmo período de 2018. Foram comercializadas pela Abradilan, entre janeiro e agosto últimos, 680 milhões de unidades. Os dados são da IQVIA, a pedido da Abradilan. 

No acumulado dos últimos 12 meses (julho de 2018 a agosto de 2019), as vendas da Abradilan chegaram a 1 bilhão de unidades no País. Já em valores, as vendas atingiram R$ 5,8 bilhões, um aumento de 7% em relação a 2018, quando chegou a R$ 5,4 bilhões.   

Esses resultados mostram a ampliação do setor e a importância dos distribuidores, presentes em 95% dos municípios brasileiros. Os associados da Abradilan vêm crescendo acima do restante mercado farmacêutico, o que fortalece a importância da distribuição regional e dos genéricos e similares. Só no mês de agosto último, foram comercializadas 86,6 milhões de unidades, que totalizaram vendas de R$ 516 milhões, acréscimo de 1% sobre o mesmo mês de 2018, que registrou R$ 509 milhões.

Na distribuição de segmentos dos produtos na Abradilan de julho 2018 a agosto de 2019, o destaque fica por conta dos medicamentos genéricos e similares, que chegam a representar 44,5% das vendas do mercado de distribuição. Em unidades, o percentual é um pouco maior, de 45,2%. Com a crise econômica e com o orçamento menor, muitas famílias optam por medicamentos com valores mais acessíveis e, por isso, os genéricos tiveram destaque nas vendas.

Para o Conselho Diretivo de 2019-2021, Vinicius Andrade, assume a presidência com expectativas positivas para o mercado. Em entrevista exclusiva ao Guia da Farmácia, ele revela os planos de sua gestão.

Guia da Farmácia Qual a importância de assumir a presidência da Abradilan?

Vinicius Andrade A Abradilan é uma associação de muita relevância, com uma participação de quase 20% das unidades vendidas do mercado farmacêutico, portanto, assumir a presidência da instituição é uma honra e uma grande responsabilidade.

Guia Quais são suas maiores expectativas com a presidência, para o crescimento da distribuição do canal farma no Brasil?

Andrade O mercado de distribuição farmacêutica vem crescendo no Brasil e essa tendência deverá se manter para os próximos anos. Nossa expectativa é de fortalecer o associado, mantendo o crescimento acima do mercado e desta forma, permanecer ganhando participação.

Guia • Quais são os principais desafios que precisam ser enfrentados e quais as principais conquistas já observadas?

Andrade O mercado farmacêutico vem mudando em uma enorme velocidade e precisamos estar preparados para enfrentar os desafios de hoje e, principalmente, os dos próximos anos.

Nos últimos anos, os associados da Abradilan se consolidaram no mercado e mostraram a força e os diferenciais da distribuição regional. Essa foi a nossa maior conquista.

Guia Qual o desempenho da Abradilan no último ano e quais as expectativas para 2020?

Andrade O crescimento da Abradilan tem sido acima do mercado e estamos sempre buscando preparar e fortalecer os associados, para que esta realidade se consolide e permaneça pelos próximos anos.

Guia • Você acredita que a força continuará vindo de medicamentos?

Andrade A distribuição de genéricos e similares é a grande força da Abradilan, porém, muitos associados vêm investindo fortemente na diversificação de portfólio, como não medicamentos e produtos de prescrição. A tendência é de que essa evolução de mix se torne cada dia mais relevante.

Guia De que forma a Abradilan se relaciona com os profissionais do varejo farmacêutico e identifica suas principais carências?

Andrade Atuamos de uma forma muito presente no varejo farmacêuticos e, por isso, vivenciamos as dores destes profissionais no dia a dia. Como somos o elo da indústria com o varejo, temos também a responsabilidade de ajudá-los a enfrentar os desafios do mercado. Temos projetos neste sentido que estão em desenvolvimento e deverão ser um pilar importante da Abradilan, em breve.

Guia • De que forma o varejo farmacêutico pode se consolidar, cada vez mais, como um verdadeiro estabelecimento de saúde?

Andrade • A farmácia tem um papel importante no cenário da saúde brasileira. Tratando-se de cidades menores, isso se torna ainda mais relevante, pois muitas vezes elas atuam como centros de saúde para a população. Reforçar este papel e dar cada dia mais autonomia ao farmacêutico será um caminho de fortalecimento do varejo farmacêutico e contribuirá para a melhoria do sistema de saúde brasileiro.

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print
Era da tecnologia e colaboração

Edição 324 - 2019-11-11 Era da tecnologia e colaboração

Essa matéria faz parte da Edição 324 da Revista Guia da Farmácia.