As consequências da Dermatite Atópica

Os pacientes que apresentam sintomas moderados a graves carregam algo muito além das marcas ou coceiras

Sinais de ansiedade e depressão estão presentes em 51% dos pacientes com a doença. Mais da metade (55%) das pessoas acometidas com Dermatite Atópica (DA) relatam ter dificuldade para dormir cinco ou mais noites por semana; 77% relatam que a doença interfere na produtividade; e 57% afirmam que há impactos na vida afetiva.

“O estado emocional dos pacientes com a doença é afetado pelo constrangimento e estigmas causados pelas lesões. Pacientes com DA moderada a grave podem apresentar distúrbios no sono por conta das coceiras constantes, além de muitos ficarem impacientes com os desconfortos, questões que afetam negativamente sua vida profissional e social”, comenta a chefe do Ambulatório de Dermatite Atópica da USP.

Entre as principais queixas dos pacientes, estão a frustração – uma vez que a pessoa entende que não está fazendo o suficiente para estar melhor –, desejo de esconder-se, isolamento social, ansiedade, depressão, distúrbio do sono, irritabilidade e déficit de atenção.

A patologia é mais comum do que parece. Segundo o Censo da Sociedade Brasileira de Dermatologia, é a 11ª doença dermatológica mais comum, se considerar todas as faixas etárias. Se se reportar somente à faixa etária até 14 anos, é a segunda doença dermatológica mais comum, atrás somente de acne. Apesar disso, ainda há falta de conhecimento da população, que acaba corroborando em preconceitos, como pensar que a doença é contagiosa.

“Apesar do estigma causado pelas lesões, é muito importante destacar que a DA não é contagiosa justamente por ter origem hereditária. Os pacientes com DA podem conviver normalmente com outras pessoas, sem nenhuma restrição de contato”, reforça a Dra. Ariana.

Apesar de ser uma doença dermatológica comum, os pacientes sofrem não somente com os sintomas da patologia, mas com o impacto social negativo

Foto: Shutterstock

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print
Novo ano em vista

Edição 301 - 2017-12-01 Novo ano em vista

Essa matéria faz parte da Edição 301 da Revista Guia da Farmácia.