fbpx

Como transformar farmacêuticos em gerentes?

Diversos processos estão envolvidos na construção de um profissional completo, mas somente aqueles que entenderem de pessoal e processos é que apresentarão uma boa performance

O farmacêutico que atua na farmácia está diretamente ligado ao excelente atendimento, ao controle burocrático das substâncias de controle especial e ao controle do sistema de validades dos produtos da loja e ao cuidado do estabelecimento de saúde, no entanto, muito se tem solicitado a esse profissional, fazendo com que ele agregue outras funções.

O comércio varejista necessita de colaboradores multiprofissionais, ou seja, pessoas que consigam agregar às suas tarefas técnicas, a rotina de gerência, bem como o desenvolvimento humano, na busca de resultados.

Um profissional completo possuir três Ps: Processos + Pessoas = Performance.

Para ser um bom gerente, um bom líder que gera resultado é necessário:

1. Ser exemplo, todos estão observando o farmacêutico.

2. Entender que pessoas são a solução e o problema, lidere-os.

3. Ter um propósito (por que faço o que faço?).

4. Apresentar visão sistêmica, ampliada de toda a loja (olhar a farmácia de forma integral e sistêmica).

5. Conhecer sua equipe e suas deficiências e competências (só assim conseguirá delegar com maestria).

6. Saber treinar e desenvolver pessoas (todos necessitamos ser melhores em algo).

7. Nortear-se por resultados, vendas, metas (gerenciar com base nos indicadores apurados).

8. Identificar estratégias, entendendo que para tudo existem três passos:

  • Uma situação atual;
  • O que se deseja;
  • O que fará para chegar lá.

9. Aprender a liderar uma equipe por meio da influência.

10. Possuir conhecimento técnico.

11. Entender processos, pois eles vão organizar a farmácia.

12. Liderar sua equipe por autoridade e não por poder.

13. Traçar objetivos com seu time e fornecer feedbacks a ele.

14. Acompanhar os resultados e desempenho da farmácia.

15. Ter uma boa relação com demais profissionais da área da saúde, classe médica, departamento de fiscalização e laboratórios.

16. Conhecer sobre exposição, ações de marketing e layout.

17. Conhecer o concorrente e sua política operacinal.

18. Buscar oportunidades dentro e fora da farmácia.

Que você se encha destas competências que tornarão o farmacêutico ainda melhor e mais relevante para a farmácia.

Foto: Shutterstock

Efeito otimizado

Edição 320 - 2019-07-07 Efeito otimizado

Essa matéria faz parte da Edição 320 da Revista Guia da Farmácia.

Sobre o colunista

Marcelo Cristian Ribeiro

Farmacêutico e consultor da Desenvolva Consultoria e Treinamento