fbpx

Nutrientes específicos para cada necessidade

Sejam crianças, idosos ou pacientes com doenças crônicas, o mercado oferece suplementos alimentares atendendo a todos os perfis

Fornecer nutrientes, substâncias bioativas, enzimas ou probióticos em complemento à alimentação. Esses são alguns dos papéis dos suplementos alimentares, produtos que surgem cada vez mais personalizados no mercado. Afinal, cada perfil tem uma necessidade distinta.

“É necessário adequar o tipo de suplemento alimentar de acordo com as necessidades de cada pessoa. Um indivíduo que não consome nenhum tipo de peixe poderá apresentar deficiência na ingestão de ômega 3 e comprometer a saúde. Já um paciente vegano pode apresentar deficiência de creatina, que é importante para manutenção da força muscular e tratamento da sarcopenia”, exemplifica o presidente da Associação Brasileira dos Fabricantes de Suplementos Nutricionais e Alimentos para Fins Especiais (Brasnutri), Synésio Batista da Costa.

A mesma fórmula se aplica para outros públicos, como crianças, idosos, ou pacientes com doenças crônicas, como diabetes, que precisam suprir carências específicas de cada perfil. Acompanhe, a seguir, as principais necessidades em cada público e como os suplementos podem auxiliar.

Crianças

Carências nutricionais comuns

As crianças que não comem bem ou que costumam rejeitar certos grupos alimentares estão mais propensas a deixar de ingerir nutrientes vitais e necessários para um crescimento saudável.

“Quando ela não tem uma nutrição apropriada, pode enfrentar alguns desafios no crescimento e desenvolvimento cognitivo, ter menos energia no dia a dia, ficar mais doente e prestar menos atenção na escola”, aponta a nutricionista e gerente científico da Abbott no Brasil, Patrícia Ruffo, alertando que nem todas as crianças necessitam fazer uso de uma suplementação. Justamente por esse motivo é fundamental o acompanhamento com um pediatra ou nutricionista.

Como atuam os suplementos alimentares?

O uso do suplemento oral pode ajudar, por exemplo, no caso de uma criança que esteja com altura e ou peso abaixo da média para aquela idade.

Quais nutrientes esses produtos costumam ter?

Geralmente, os suplementos nutricionais indicados para crianças contêm proteínas, vitaminas, nutrientes e minerais, como o ferro, o zinco e o cálcio, entre outros.


“O Pediasure Complete, por exemplo, é balanceado com 12% de proteínas, 53% de carboidratos e 35% de gordura, indicado para crianças de 4 a 10 anos de idade”, indica Patrícia.

Pessoas com diabetes

Carências nutricionais comuns

Pessoas com diabetes podem apresentar deficiência de algumas vitaminas como a B1, a B2 e até mesmo a vitamina D.

Como atuam os suplementos alimentares para esses grupos?

Os suplementos especializados têm um papel muito importante no controle da doença, uma vez que 74% das pessoas com diabetes não conseguem controlar a glicemia apenas com medicação.

“No caso da linha Glucerna, ela oferece uma nutrição completa e balanceada cientificamente desenvolvida para ajudar na redução dos picos de glicose no sangue. É rico em MUFA (ácidos graxos monoinsaturados, como o ômega 3), que tem demonstrado ser benéfico na melhoria dos níveis de lipídios, controle glicêmico e insulina”, explica Patrícia.

Quais nutrientes esses produtos costumam ter?

Podem conter vitamina B1, por exemplo, que ajuda a prevenir as possíveis complicações da doença, como problemas de visão, doenças cardiovasculares e renais.


Ela também protege as células contra os efeitos recorrentes dos níveis elevados de glicose. A vitamina D também pode estar presente, auxiliando na saúde dos ossos.

Pessoas com mais de 50 anos de idade

“Os idosos, na maioria dos casos, apresentam comprometimento na deglutição e baixo consumo de proteína, que pode acelerar a perda do tecido muscular e comprometer a autonomia para andar, subir e descer escadas”, aponta Batista da Costa, da Brasnutri.

A especialista da Abbott aponta, ainda, que a partir dos 40 anos de idade, o indivíduo começa a perder cerca de 8% da massa muscular a cada década.

Quais nutrientes esses produtos costumam ter?

São exemplos as proteínas de alta qualidade; o HMB (β-hidroxi-β-metilbutirato), e a vitamina D.

Como atuam os suplementos alimentares para esses grupos?

A vitamina D, por exemplo, auxilia na preservação e reconstrução muscular. “O HMB, presente no Ensure Plus Advance atua com a proteína para ajudar a proteger e preservar os músculos”, exemplifica Patrícia.

Foto: Shutterstock

Farmacêuticos 4.0

Edição 326 - 2020-01-01 Farmacêuticos 4.0

Essa matéria faz parte da Edição 326 da Revista Guia da Farmácia.