Orientação no atendimento aos idosos na farmácia

E muitas essas enfermidades, como diabetes e hipertensão, têm a proporção aumentada com o passar da idade. A obesidade também merece atenção especial. Afinal, o distúrbio interfere, diretamente, em problemas, como incapacidade do idoso, bem como redução da expectativa de vida. 

Orientações gerais de atendimento

• Realize campanhas de educação em saúde, com especial enfoque nos conceitos das doenças e suas características.

• Explique sobre a importância da adesão ao tratamento medicamentoso, bem como para mudanças necessárias no estilo de vida.

• Forneça informações detalhadas e compreensíveis sobre os eventuais efeitos adversos dos medicamentos prescritos e necessidades de ajustes posológicos junto ao médico.

• Orientações quanto à rotina de tomada dos medicamentos (com água, com ou sem alimento…) podem prevenir reações indesejáveis, facilitando a adesão.

•Quando possível, ofereça uma boa prestação de serviços, contemplando monitoramentoperiódico dos parâmetros bioquímicos e fisiológicos, e entregue ao paciente, ao fim do acompanhamento, um relatório que pode ser entregue ao médico.

• Lembre-se de que as intervenções farmacêuticas devem ser documentadas.

Hoje, 12,5% da população é constituída por pessoas com 60 anos de idade ou mais, saiba mais sobre o atendimento nas farmácias diante do envelhecimento.

Foto: Shutterstock

As farmácias na adesão ao tratamento

Edição 298 - 2017-09-01 As farmácias na adesão ao tratamento

Essa matéria faz parte da Edição 298 da Revista Guia da Farmácia.

Sobre o autor

Guia da Farmácia

Premiado pela Anatec na categoria de mídia segmentada do ano, o Guia da Farmácia é hoje a publicação mais conhecida e lembrada pelos profissionais do varejo farmacêutico. Seu conteúdo diferenciado traz informações sobre os principais assuntos, produtos, empresas, tendências e eventos que permeiam o setor, além de Suplementos Especiais temáticos e da Lista de Preços mais completa do mercado.