Ministério da saúde faz coletiva de imprensa sobre o coronavírus no Brasil

Ministério da Saúde afirma que está disponibilizando dois mil leitos volantes, de instalação rápida, com investimento de R$ 396 milhões para contratação e R$ 260 milhões para manutenção durante seis meses

O Ministério da Saúde realizou hoje (16/03) uma coletiva de imprensa para analisar as medidas para conter o novo coronavírus no Brasil, o COVID-19. Confira o conteúdo da coletiva:

Perfil das pessoas infectadas pelo novo coronavírus no Brasil

  • A média de idade é de 40 anos. São 116 mulheres e 114 homens – sendo que não há informação de uma pessoa.
  • A maioria das pessoas infectadas (124) tem menos de 40 anos e oito têm mais de 69.
  • 18 pessoas estão internadas.
  • Do total de casos, 128 são importados, ou seja, de pessoas que contraíram o vírus em outros países.

Leitos de UTI

O Ministério da Saúde afirma que está disponibilizando dois mil leitos volantes, de instalação rápida, com investimento de R$ 396 milhões para contratação e R$ 260 milhões para manutenção durante seis meses.

O secretáro-executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo, disse que a pasta vai regular os leitos privados nos hospitais para ver quais têm leito ocioso. “Se for necessário, vamos requisitar leitos privados para atendimento da população brasileira, no atendimento do SUS”, afirmou.

Rio de Janeiro em estado de emergência

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, vai decretar estado de emergência ainda hoje no Estado.

 Bruno Covas analisa declarar estado de emergência

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), anunciou hoje (16/03), que vai se mudar por tempo indeterminado para a sede da Prefeitura, no Viaduto do Chá, na região central, durante o aumento dos casos do novo coronavírus. Ele também anunciou, durante entrevista ao vivo na Band TV, que o rodízio de veículos na cidade está suspenso por tempo indeterminado a partir desta terça-feira, 17. Além disso, todos os ônibus municipais deverão ser limpos com água sanitária no fim da linha. “Todas as medidas estão sendo tomadas por acompanhamento e sugestão dos profissionais da saúde”, justificou Covas.

Além disso, o prefeito deve decretar a qualquer momento estado de emergência na cidade de São Paulo, informa Mônica Bergamo, da Folha.

A decisão foi discutida com o secretariado do prefeito nesta segunda-feira (16/03) e tem por objetivo diminuir a circulação de pessoas pela cidade por conta da pandemia do novo coronavírus.

Coronavírus em crianças

A representante da Opas/OMS, Socorro Gross , diz que crianças podem ficar doentes por infecção do novo coronavírus, mas que em 94% dos casos os sintomas são leves e em 25%, não há sintomas.

Até então, o único estudo publicado, sobre o surto na China, indica que uma criança de sete anos foi infectada e morreu, mas não se sabe se ela tinha outra doença que poderia agravar o quadro.

“Crianças sempre vão ser, em qualquer pandemia, um grupo para priorizar, mas os dados dizem que o adulto idoso é o mais vulnerável”, afirmou ela. Para crianças e jovens, apenas existe o risco de ser internado e vir a óbito.

Atualização dos casos

Atualmente o Brasil já conta com 234 casos de coronavírus.

 

Recomendações da Abrafarma para manejo de clientes e times de trabalho frente ao Coronavírus
 

Foto: Shutterstock

Fonte: Estadão, Folha de São Paulo e Guia da Farmácia

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário