Nova vacina contra herpes-zóster chega ao Brasil a partir do próximo mês

A nova vacina é uma esperança para quem sofre com as dores terríveis provocadas pela doença

Já aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a nova vacina contra herpes-zóster deve chegar agora com mais 97% de eficácia e, anteriormente, a porcentagem era de 70%.

A dermatologista e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Academia Americana de Dermatologia (AAD), Dra. Adriana Vilarinho, explica que ainda há mais uma boa notícia: a partir de agora, o tempo de proteção também aumenta dos atuais três anos para mais de 10 anos.

O novo imunizante usa vírus inativo, o que ajuda a incluir pacientes imunossuprimidos no esquema vacinal, já que o vírus permanece adormecido no corpo e acorda quando enfraquece a imunidade da pessoa.

“A herpes-zóster se manifesta na pele com manchas avermelhadas, muito doloridas e ardentes. Apesar de ser uma doença mais comum em idosos e em pessoas com defesa do organismo fragilizada, como pacientes com câncer e AIDS, entre outras doenças, qualquer pessoa que teve varicela pode desenvolver esse tipo de herpes”, explica a médica.

Dra. Adriana comenta que entre os tratamentos para conter o problema, estão os medicamentos analgésicos e antivirais e a vacina, que pode minimizar muito o risco de desenvolver as bolhas na pele.

A nova vacina é a Shingrix, da indústria farmacêutica GlaxoSmithKline (GSK).

Nesse primeiro momento ela não estará disponível no SUS.

A nova vacina deve começar a ser vendida nos próximos meses apenas em clínicas particulares.

O valor ainda é desconhecido, mas a atual custa em torno de 500 reais.

Fontes: Midiahoje.com e SBD

Foto: Midiahoje.com

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário