Nutricosméticos: para que servem e para quem são indicados

Eles são nutrientes que agem de dentro para fora do organismo

A palavra une os conceitos de alimento, fármaco e cosmético e a proposta da beleza que vem de dentro para fora a partir da combinação de nutrientes. São suplementos alimentares com finalidade estética, podendo ser consumidos na forma de cápsulas e líquidos – e, claro, em uma dieta adequada.

“Diferentemente dos cosméticos, os nutricosméticos agem por meio da nutrição do corpo e da pele, por suplementos que oferecem benefícios antioxidantes”, explica a nutricionista Aline de Andrade.

Os nutricosméticos surgiram a partir da percepção de que a alimentação desequilibrada influencia na saúde do corpo e, consequentemente, na da pele. Sua fórmula reúne nutrientes, antioxidantes, minerais, aminoácidos, fitoterápicos e vitaminas com propriedades de proteção e regeneração. Cada ingrediente tem funções específicas, como hidratação da pele, emagrecimento, retardamento do envelhecimento, fortalecimento das unhas e dos cabelos e tratamento da acne.

Os nutrientes mais comuns dos nutricosméticos podem ser encontrados nos alimentos de uma dieta rica e balanceada. Confira:

• Vitamina A: fígado, gema de ovo e óleos de peixes.

• Vitamina C: laranja, limão, goiaba e bergamota.

• Zinco: camarão, carnes vermelhas, frango, peixe, fígado, gérmen de trigo, grãos integrais, castanhas, cereais, legumes e tubérculos.

• Selênio: castanhas.

Orientação Médica

Como os nutricosméticos são formados por substâncias presentes em muitos alimentos que consumimos, é importante que o cliente siga as orientações médicas.

“Eles devem ser vistos como medicação, e erros de dosagem ou de tempo de uso podem trazer riscos”, alerta a médica nutróloga Karen Muñoz, destacando ainda algumas queixas comuns, como queda de cabelo, podem estar relacionadas a doenças e os nutricosméticos não seriam o tratamento mais indicado.

Nutrientes e suas ações

• Acne: ômega 3, selênio, glutamina, magnésio, vitamina C e A

• Envelhecimento da pele: vitamina C, silício orgânico, cobre, colágeno, coenzima Q10 e zinco

• Celulite: vitamina A, E e C, silício orgânico, cobre e zinco

• Efeito antioxidante para a pele: selênio e vitaminas C e E

• Fotoproteção: polipodiumleucótomos, picnogenol, licopeno, astaxantina

• Fortalecimento de unhas e cabelos: biotina, zinco, queratina, cobre e selênio

• Firmeza e prevenção de flacidez: ceramosides e coenzima Q10

Texto Original de Natasha Heinz em Donna .

Website: http://revistadonna.clicrbs.com.br/beleza/o-que-sao-os-nutricosmeticos-e-para-que-servem-e-para-quem-sao-indicados/

Foto: Shutterstock 

 

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário