Ocasiões de consumo de produtos de cuidados pessoais voltam a crescer no Brasil

A categoria de cuidados pessoais voltou a ter destaque após os primeiros meses de isolamento. O uso de produtos de Personal Care cresceu 27%

Apesar de o setor de Cuidados Pessoais ter sofrido um grande impacto em vários países durante a pandemia, principalmente nas ocasiões fora do lar e de socialização, no Brasil algumas ocasiões de consumo voltam a crescer no segundo trimestre.

É o que mostra a Kantar, empresa de dados, insights e consultoria.

O isolamento social nos primeiros três meses do ano fez com que categorias menos utilitárias fossem despriorizadas como maquiagem, banho/cuidados com o cabelo, fragrância, hidratação do rosto/corpo e desodorante, nesta ordem.

Já no segundo trimestre de 2020, com a flexibilização do isolamento social, a cesta de Personal Care começou, então, a mostrar indicativo de melhora.

Com destaque para os consumidores incrementando especialmente a rotina de Higiene Oral.

Neste cenário, o uso de produtos de Personal Care cresceu 27%.

Além disso, o abandono do sedentarismo também se transformou em uma oportunidade para as marcas.

Três milhões de pessoas passaram a praticar exercícios regularmente no último trimestre, assim, aumentando em 29% a ocasião de uso de produtos de cuidados pessoais antes de fazer exercícios.

A prática gerou destaque para o uso especialmente de sabonete líquido, esfoliante e hidratante corporal, bem como xampu e pós xampu.

E a justificativa vai muito além da limpeza: atenção às necessidades sensoriais, como nutrição, reparação e busca por maciez.

Distanciamento social aumenta venda e entregas de itens de farmácia 

Fonte: Kantar

Foto: Shutterstock

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário