fbpx

Guia da Farmácia Responde

Suas dúvidas respondidas por consultores especializados.

Gostaria de saber quais são os procedimentos para abertura de uma drogaria, em qual órgão eu procuro essas informações? - Vandilson Moura, proprietário da Vandilson Auto Peças, de Santana do Matos (RN)

0

Nos procedimentos para abertura de uma drogaria abertura de uma drogaria pressupõe o preenchimento de diversos requisitos legais, entre os quais a metragem do imóvel (a depender da legislação local), a obrigatória contratação de um farmacêutico que será o responsável técnico do estabelecimento, a apresentação de atos constitutivos (contrato social, estatuto social, etc.). Falando em atos constitutivos, deve-se optar, antes de qualquer coisa, por um dos enquadramentos legais de constituição empresarial (há diversos, apresentando os quatro mais comuns no varejo farmacêutico): i) Sociedade Limitada (LTDA.) ii) Sociedade Anônima (S.A.) iii) Microempreendedor Individual (MEI) iv) Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (Eireli)…


Entre inúmeros fatores extrínsecos (luz, tempo, oxigênio, dióxido de carbono, microrganismo, umidade, temperatura, além do transporte) que afetam a estabilidade, a temperatura e a umidade são de extrema importância para armazenagem dos medicamentos. A presença no ambiente de luz solar, lâmpadas que emanam calor, infiltrações e condições de infraestrutura física inapropriada (telhas que não permitem o isolamento térmico, por exemplo) são fatores que poderão incidir negativamente sobre os medicamentos que poderão ter a sua estabilidade comprometida (química, física, terapêutica, toxicológica e microbiológica). Para assegurar as Boas Práticas Farmacêuticas, foi publicada a Resolução RDC nº 44, de 17 de agosto de…


Para abrir um estabelecimento farmacêutico não, não é necessário e explico. Há uma diversidade de normas (leis, decretos, resoluções, portarias, etc.) que dispõe sobre os requisitos para a abertura de um estabelecimento farmacêutico, como uma drogaria. A norma matriz, no entanto, continua sendo a Lei Federal nº 5.991/73, que estabelece os requisitos básicos do varejo farmacêutico, trazendo importantes definições como as de farmácia, drogaria, droga, medicamento, insumo farmacêutico, entre outras. Essa lei estabelece, em seu artigo 22, que o pedido de licença sanitária seja instruído com: a) prova de constituição da empresa; b) prova de relação contratual entre a empresa…


No interior não têm farmacêutico disponível no mercado. O que fazer? - Alexandre Zanatta, proprietário da Farmácia Duda Ltda., no município de Rondinha (RS)

0

Com a publicação da Lei nº 13.021, de 8 de agosto de 2014, que dispõe sobre o exercício e a fiscalização das atividades farmacêuticas, há determinação de que a farmácia seja uma unidade de prestação de serviços destinada a prestar assistência farmacêutica, assistência à saúde e orientação sanitária individual e coletiva, na qual se processe a manipulação e/ou dispensação de medicamentos magistrais, oficinais, farmacopeicos ou industrializados, cosméticos, insumos farmacêuticos, produtos farmacêuticos e correlatos. Algumas ações são específicas e privativas do farmacêutico não podendo ser delegadas a outros profissionais. A atuação do farmacêutico deve ser direcionada para o paciente, ou seja, em modelo denominado biopsicossocial. Não é possível desvencilhar o paciente/usuário do medicamento do…


Como realizar a melhor compra, no caso de medicamentos. Pelo menor preço de compra ou pela demanda? - Hudson Fernandes, farmacêutico e proprietário da Drogaria Fernandes, em São João do Oriente (MG)

0

Ambos são importantes. Mas de nada adianta realizar a melhor compra se a demanda não corresponde. Sou partidária de que controlar o estoque é garantir a saúde financeira da farmácia. O estoque é o “coração” da farmácia; se ele não vai bem, tudo pode ficar comprometido. Você deve ter bem claro que o sucesso financeiro não é apenas o volume geral de vendas ou como realizar a melhor compra, mas sim o quanto cada produto contribui para o lucro do estabelecimento. Cada item vendido na farmácia contribui de alguma forma para o lucro geral dela e conhecer esse dado é…


Por que os anti-inflamatórios podem cortar efeito do medicamento para pressão? - Silvia Daniele Czuczman Trojan, estudante do terceiro período de farmácia, de Mallet (PR)

0

Os anti-inflamatórios podem cortar efeito do medicamento para pressão. Sabe-se que a hipertensão arterial é uma doença crônica degenerativa, não transmissível presente em cerca de 50% dos indivíduos acima de 65 anos. Assim, nessa faixa etária, com o envelhecimento, é de se esperar que outras enfermidades estejam presentes. Por exemplo, as doenças reumáticas, particularmente, a osteoartrite e a artrite reumatoide. Nessa situação, a prescrição de medicamentos com ação não só analgésica, como também anti-inflamatória é realizada com frequência e, desse modo, os anti-inflamatórios não esteroides (Aine) são os mais utilizados. Considerando, então, que as duas situações em relação à condição…


1 19 20 21