Redes da Abrafarma registram recordes de empregos

Setor já criou mais de 7,3 mil postos de trabalho somente neste ano

Na contramão do mercado de trabalho, o grande varejo farmacêutico já criou 7.325 empregos neste ano e, de acordoo com a  Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma)  teve uma  média de 814 novos postos de trabalho todo mês e 27 diários.

E, dessa maneira, então, o volume de contratações no setor é recorde

Considerando os dados de janeiro a setembro deste ano, as maiores farmácias e drogarias do país contam atualmente com 142.301 funcionários e colaboradores.

O número é 7% superior ao de 2019, último ano antes da pandemia. Em relação ao início da última década, em 2011, o aumento é de 66%.

gráfico-Abrafarma-empregos

Essa evolução acompanha o expressivo crescimento nas vendas do grande varejo farmacêutico, que vêm, dessa maneira, registrando em 2021 o maior avanço percentual em uma década – 17,39%.

Empregos na Abrafarma

O advento dos serviços clínicos, como por exemplo, os testes rápidos, as aplicações de vacinas e testes de glicemia e pressão arterial, também ajuda a explicar o aumento a escalada de empregos.

“Ultrapassamos 7,1 milhões de atendimentos do gênero neste ano, o que representa uma demanda oito vezes maior na comparação com 2020. As farmácias brasileiras já vinham se transformando em autênticos centros de atenção primária à saúde, mas esse processo acelerou em função da pandemia”, argumenta o CEO da Abrafarma, Sérgio Mena Barreto.

Para absorver esse novo perfil de atuação, o volume de farmacêuticos contratados cresce na mesma proporção.

Portanto, do total de profissionais, 28.686 (20%) são farmacêuticos.

“Há dois anos, esse percentual era de 18%, o que demonstra um incremento gradual na procura por mão de obra especializada e contribui para a valorização da profissão farmacêutica”, finaliza Barreto.

A saber, os funcionários e colaboradores estão, portanto, distribuídos nas áreas administrativas das 26 maiores redes do país e em 8.705 lojas.

Fonte e foto: Abrafarma

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário