Segundo dia do Abradilan Conexão Farma 2022 superou expectativas de público

O evento já contou mais 13 mil visitantes, que acompanham de perto as novidades do setor

Em apenas dois dias de evento, o número de público esperado para os três dias já havia sido ultrapassado. Além das 120 empresas expositoras, o Abradilan Conexão Farma, já contou com mais 13 mil visitantes, que acompanham de perto as novidades do setor, como as trazidas pela Linx.

“Trouxemos para a feira o Farma Cloud, o primeiro produto em nuvem feito por uma empresa de tecnologia para o mercado farma, pesando em como resolver o problema de usabilidade na ponta, a segurança da LGPD, além de permitir ter a sua loja na palma da mão, vendo todos os indicadores de venda e de compra, através de um tablet ou desktop, em qualquer lugar do mundo. É mais do que uma solução em nuvem, é uma solução de BI”, contou o diretor da Linx, Luis Fischpan.

Kley Hertz

“A Kley Hertz está completando 75 anos este ano e um dos nossos valores é estar próximo dos clientes e consumidores, construindo relações de longo prazo. E nada melhor do que estar próximo e estamos muito felizes de estar podendo encontrar as pessoas aqui. Trouxemos para a feira os lançamentos que tivemos em 2021. Foram 13 produtos em diversas categorias, como gripes e resfriados, gastrointestinal, saúde bucal, oftalmológica e vitaminas”, contou o diretor presidente da Kley Hertz, Arthur Hertz.

Catarinense

“A pandemia trouxe o autocuidado como um dos pilares mais importantes da vida e nós crescemos muito com isso. Temos uma história de 76 anos produzindo suplementos alimentares e vitaminas, com o mesmo rigor dos medicamentos e o consumidor percebe isso. Nós dobramos o tamanho da empresa nos últimos três anos e estamos nos fortalecendo na área de OTC, com diversos lançamentos, além de inovações constantes na área de suplementos e vitaminas pensados na saúde e longevidade”, explicou o diretor comercial da Catarinense Pharma, Rivael Hermel dos Santos.

Olina

“Nosso produto é um medicamento fitoterápico, com a combinação de sete ervas distintas, com resultados terapêuticos amplamente reconhecidos na medicina de diferentes países. Ele é indicado para alívio o imediato da má digestão, desconfortos no estômago e aparelho digestivo no geral, servindo também como laxante. Hoje a fábrica produz 65 frascos por minuto e até 27 mil frascos por dia”, contou Max Wesp, neto do João Wesp, criador da Olina, há mais de 105 anos. Hoje o produto está disponível na versão 100 ml, 60 ml e em flaconetes, com 15ml, sendo líder no segmento nos mercados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.

Foto e fonte: Guia da Farmácia

*Conteúdo exclusivo do Guia da Farmácia. Ao reproduzir, colocar a fonte e o link para o texto original.

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário