fbpx

Drogaria Coop suspende reajuste anual do preço de medicamentos

RaiaDrogasil também decidiu optar pela mesma medida

A Coop – Cooperativa de Consumo,  por meio da Drogaria Coop, decidiu não repassar o reajuste anual nos preços dos medicamentos, que acontece no mês de abril pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos. Neste ano, o reajuste está previsto entre 3,15% e 5,13%.

Tal medida de manter os valores por tempo indeterminado foi tomada porque a Drogaria Coop entende que este é o momento de estender a mão e de diminuir os impactos econômicos sobre os cooperados e clientes neste cenário de grandes desafios.

“Queremos que nossos cooperados e clientes continuem economizando com os preços da Drogaria Coop, mesmo se o governo aumentar os valores dos medicamentos. Nossa intenção é cooperar nesse momento de incertezas, fazendo com que os preços dos medicamentos sejam uma preocupação a menos para a nossa comunidade”, explica o vice-presidente executivo de drogarias, Eduardo Pereira dos Santos.

Assim como Drogaria Coop, RaiaDrogasil adota mesma medida

Uma das maiores redes de farmácias do País, a RaiaDrogasil anunciou, que não irá aderir ao reajuste anual de preços do setor.

“Observando o atual cenário de crise provocado pela pandemia de coronavírus, preferimos tomar partido em defesa dos nossos clientes e manteremos os preços atuais por tempo indeterminado”, afirmou o CEO da companhia, Marcílio Pousada.

Em relação ao abastecimento, de acordo com o executivo, os clientes ainda enfrentam dificuldade para adquirir o álcool em gel. Contudo, o abastecimento tende a se normalizar. As máscaras de proteção, no entanto, não têm previsão de voltar às prateleiras.

“Devido à alta demanda, o álcool está se esgotando rapidamente, mas continua sendo distribuído e remessas maiores serão feitas a partir de 10 de abril. As máscaras, contudo, estão todas à disposição das equipes de trabalho da área de saúde”, informou Pousada.


Fontes:  Guia da Farmácia e Correio Brasiliense

Foto: divulgação

Reajuste de medicamentos pode ser postergado por coronavírus

Deixe um comentário