Destaques & lançamentos

Driblando os sinais de envelhecimento

Especialistas desvendam as “promessas” dos cosméticos e enumeram ativos que realmente funcionam para suavizar as rugas e linhas de expressão

Nos últimos anos, o mercado de beleza não mediu esforços para lançar cosméticos e dermocosméticos que prometem manter a hidratação e evitar o envelhecimento da pele em dia. No entanto, por conta da variedade de cremes espalhados pelas prateleiras das farmácias, é fundamental entender suas finalidades para que as promessas não fiquem apenas nos rótulos, mas se tornem realidade na pele, brinca a dermatologista da Clínica Corporeum, em Brasília, Dra. Ana Magella.

“Com o avanço da tecnologia e os vários estudos científicos, os dermocosméticos estão cada vez mais eficazes e oferecem múltiplos benefícios. Portanto, a primeira dica é lembrar que a recomendação de produtos para retardar o envelhecimento varia com o tipo de cada pele.”

Quando o assunto é manter a pele com aspecto jovem, a área mais lembrada pelo consumidor da categoria skincare é o rosto. A partir dos 25 anos de idade, o corpo diminui a produção de colágeno, contribuindo para a flacidez da pele e formação das temidas linhas de expressão e rugas, alerta a dermatologista.

“Se por um lado as rugas são estáticas e não dependem de movimentação facial, as linhas de expressão são superficiais e aparecem quando fazemos movimentos repetitivos com os músculos da face.”

Segundo a especialista, hidratar a pele, usar filtro solar, evitar caretas e aliar tratamentos estéticos são formas eficazes de prevenir as rugas e tratar as linhas de expressão.

“Já no caso das rugas estáticas consolidadas, podemos utilizar as mesmas estratégias citadas a fim de suavizá-las, porém será necessário associar outros tratamentos dermatológicos, como skinboosters e preenchedores.”

Devido à menor quantidade de fibroblastos ativos, que está associada com a integridade estrutural do colágeno menos acentuado na derme, as pessoas de pele mais clara são as mais suscetíveis às rugas e linhas de expressão, acrescenta a médica da Clínica Corporeum.

“Além disso, em qualquer parte do corpo, fatores como exposição solar excessiva, procedimentos como bronzeamento artificial, tabagismo, baixo consumo de água e até má alimentação são capazes de acelerar o envelhecimento da pele.”

Cuidados além do rosto

O colo, as mãos e os braços são áreas que também sofrem com o envelhecimento mais rápido, principalmente pela estrutura da pele ser mais fina e serem regiões mais expostas à radiação solar, explica a Dra. Ana.

“Por isso, essas áreas não devem ser esquecidas na hora de passar filtro solar e hidratantes específicos para o tipo de pele, inclusive durante o inverno. Como de fato, há uma menor quantidade de radiação ultravioleta (UV), é uma boa época para recorrer aos tratamentos estéticos.”

Outra dica da especialista na hora da compra é orientar o shopper que peles mais oleosas devem recorrer aos produtos oil-free ou em gel. O mercado também oferece produtos específicos para a região dos olhos, colo e pescoço, mas protetores solares faciais também podem exercer bem essa função, garante ela.

Apesar de envelhecerem em ritmo menos acelerado em relação às mulheres, os homens também estão ganhando produtos específicos para a pele masculina.

“Além das alterações na produção hormonal ao longo da vida, outro fator decisivo para a velocidade do envelhecimento da derme é que os homens possuem pelos, estruturas que conferem proteção solar e dão suporte para a pele.”

Fonte: Guia da Farmácia
Foto: Shutterstock

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print
Rumo ao Futuro

Edição 355 - 2022-06-13 Rumo ao Futuro

Essa matéria faz parte da Edição 355 da Revista Guia da Farmácia.