fbpx
PDV

Produtos Piracanjuba começam a ser vendidos nas principais farmácias do Brasil

Raia Drogasil, Nissei, Extrafarma, Araújo, Maxi Econômica e Hiperfarma são algumas das farmácias que já estão vendendo produtos Piracanjuba

Seguindo uma tendência internacional, as farmácias deixaram de ser locais restritos a medicamentos. Hoje em dia, elas são ambientes de saúde e bem-estar, além de oferecerem atendimento personalizado e confiável. De acordo com a pesquisa da IMS Heatlh, 34% das pessoas que vão às drogarias comprar medicamentos, aproveitam o deslocamento para comprar itens de higiene, beleza e nutrição.

Atenta a essa necessidade dos consumidores, a Piracanjuba fechou parceria com grandes redes de farmácia. Algumas delas são: Raia Drogasil, Nissei, Extrafarma, Araújo, Maxi Econômica, Hiperfarma, entre outras. O resultado dessa conveniência é que consumidores de todo o Brasil contam, agora, com a facilidade da compra dos produtos da marca nas lojas físicas ou on-line dessas farmácias.

Piracanjuba nas farmácias

“A presença da Piracanjuba nos canais de farmácia disponibiliza aos consumidores uma parcela das inovações em produtos da empresa. Um exemplo é o Piracanjuba Whey, com 23 g de proteínas e 5 g de BCAAs. O produto é ideal para praticantes de atividade física e para pessoas que querem uma alimentação equilibrada ou que precisam de aporte de cálcio e proteína. Ao estarmos nesses ambientes, firmamos nossa essência, como especialistas em leite. Além disso, oferecemos produtos confiáveis e nutritivos aos shoppers e consumidores que buscam pela melhor qualidade de vida”, ressalta o gerente comercial, Wesley de Pádua Barbosa.

Além da comodidade de encontrar os produtos nas lojas físicas, o consumidor que optar pela compra on-line também encontrará a variedade dos produtos Piracanjuba no site das redes farmacêuticas. “Pesquisas mostram que os brasileiros estão mais confiantes para comprar online e que o e-commerce vai dobrar sua participação no varejo até 2020. Temos sentindo uma transição dos tipos de produtos vendidos pelas empresas de e-commerce. Assim, passando dos bens duráveis para os não-duráveis, e essa é uma realidade que tende a crescer muito ainda no Brasil”, reforça Barbosa.

A intenção é que, a partir dos próximos meses, a Piracanjuba amplie os parceiros nos canais de farmácias, alcançando grande parte dos estados brasileiros. Além disso, esse modelo de negócio permite à indústria avançar no direct-to-consumer (D2C). Assim, permitindo que as marcas ampliem seus formatos de vendas.

Foto: Piracanjuba
Fonte: Piracanjuba

Deixe um comentário