fbpx

Dia Mundial do Coração: perigos das doenças cardiovasculares

Doenças cardiovasculares são a principal causa de morte no mundo, chegando a 17,5 milhões de pessoas, de acordo com a OMS

Dia 29 setembro, é comemorado o Dia Mundial do Coração.

No Brasil, o número de óbitos por ano chega 350 mil.

Pessoas com diabetes, por exemplo, têm de duas a três vezes mais risco de desenvolver as mesmas em comparação com pessoas sem a condição.

Outro dado chocante é que uma vez estabelecida, as doenças cardiovasculares aumentam, todavia, a mortalidade nas pessoas com diabetes. 

Assim, aproveitando esta data, a ADJ Diabetes Brasil promove hoje (24) uma campanha on-line.

O objetivo, portanto, é chamar atenção das pessoas, a fim de conscientizá-las e orientá-las sobre diabetes, a relação das doenças cardiovasculares, seus sintomas, formas de prevenção e tratamento.

Lives Bate Coração

Serão duas lives, uma hoje (24) das 18h às 19h30 e outra no próximo dia 29 às 19h00.

Bate Coração, nome oficial da live, contará com a participação da cardiologista e doutora em Insuficiência Cardíaca pela UFRGS, experiência em pesquisa clínica e projetos de saúde populacional e telemedicina no Ministério da Saúde, Dra. Priscila Raupp e da farmacêutica e educadora em diabetes da ADJ Diabetes Brasil, Ana Paula de Miranda.

A outra live, no entanto, ocorrerá no próprio Dia Mundial do Coração, 29 de setembro

O nome oficial é Colesterol elevado, pressão alta, diabetes e obesidade, seu coração pode estar em risco.

Terá a participação de Dr. Marco Antônio de Melo Alves, cardiologista, com especialização em Cardiologia pela Fundação para o Incentivo ao Ensino e Pesquisa da Cardiologia (Funcordis). É membro da Sociedade Brasileira de Cardiologia e da Sociedade Brasileira de Hipertensão Arterial Sistêmica. Especialista em Cessação de Tabagismo pelo American College of Chest Physicians, e no Manejo do Paciente Diabético pela Sociedade Brasileira de Diabetes. Atualmente, é chefe do setor de Cardiologia do Hospital Esperança – Recife, da rede D’Or/São Luiz; e de Dr. Pedro Saddi, endocrinologista e diretor da ADJ Diabetes Brasil.

Ambas serão transmitidas pelo Facebook YouTube da ADJ Diabetes Brasil.

O projeto

Desse modo, esta ação tem o intuito também de motivar as pessoas a consultarem o médico regularmente e realizar os exames necessários para prevenção e qualidade de vida.

Para a realização destas ações, a ADJ Diabetes Brasil conta, todavia, com o apoio das empresas AstraZeneca, Boehringer e Novartis. 

Mais informações podem ser acessadas no www.adj.org.br

 Para assistir é preciso se inscrever pelo telefone (11) 97148-0465 ou no Sympla.  

Foto: Shutterstock

Fonte: ADJ Diabetes Brasil

Deixe um comentário