fbpx

Memed lança primeiro app brasileiro de prescrição médica digital

Gratuita, solução já é acessada por 50 mil médicos de todas as especialidades

Acaba de chegar ao mercado a primeira ferramenta genuinamente brasileira que possibilita a prescrição médica digital e inteligente, utilizando dispositivos móveis a qualquer hora e em qualquer lugar.  Além de agilizar o processo, algumas funcionalidades do recurso beneficiam os pacientes. A novidade está sendo lançada pela Memed, empresa de tecnologia em saúde, pioneira em plataforma de prescrição médica digital no País, e foi incluída ao aplicativo gratuito, que já é acessado hoje por 50 mil médicos de todas as especialidades, em todo o território nacional.

“Trinta e nove por cento dos erros médicos associados à medicação ocorrem no momento da prescrição. Os motivos são vários, mas uma questão importante, que tira a receita médica da posição de coadjuvante, é a grafia muitas vezes ilegível ou os erros de digitação. No momento da prescrição médica, a forma como a receita dos medicamentos é gerada pode impactar, tanto negativa como positivamente nos resultados clínicos”, pondera o CMIO da Memed, Rafael Moraes. “Sabemos que a estratégia a ser adotada para melhorar a qualidade no atendimento é colocar o paciente no centro do cuidado e a tecnologia atrelada à inteligência de um app como esse pode ajudar muito. Claro que o aplicativo não elimina a necessidade de consultas presenciais. Ele só agiliza, engaja o paciente e traz mais segurança ao processo de prescrição médica”, diz. O aplicativo Memed pode ser baixado tanto pelo Google Play quanto pela App Store.

Veja Mais

Benefícios da prescrição digital

Agilidade nas consultas: app permite, ao médico, consultar um banco de medicamentos com mais de 43 mil apresentações detalhadas, atualizadas em tempo real, e prescrever digitalmente no próprio celular.

Informações centralizadas: o app consolida os dados dos pacientes atendidos em todos os hospitais e clínicas onde o médico trabalha.

Agilidade na prescrição médica: solução permite, ao médico, criar receituários, emitir uma via impressa em poucos toques e entregar, simultaneamente, uma cópia digital ao paciente.

Acesso ao histórico: além de acessar todos os medicamentos, orientações e solicitações de exames que já prescreveu via app ou computador, o profissional da saúde consegue editar ou reimprimir uma prescrição já realizada, otimizando seu tempo.

Sugestões de posologias:  por meio do app, o médico passa a ter acesso a sugestões de posologias (dosagem, frequência e duração de um medicamento) para as principais drogas da prática clínica de acordo com cada indicação – todas sempre atualizadas a partir de medicina baseada em evidência.

Protocolos e fórmulas: desde que cadastrados previamente, na versão web da Memed, os protocolos e fórmulas manipuladas ficam disponíveis no aparelho, ganhando tempo na hora da prescrição médica e possibilitando não só atender um número maior de pacientes, como também com mais qualidade.

Assistente Memed: do ponto de vista de quem recebe os cuidados, além da via impressa, é possível enviar, gratuitamente, uma cópia digital da prescrição médica para que o paciente pesquise os preços nas principais farmácias (serviço disponível, por enquanto, apenas na cidade de São Paulo). Isso aumenta o controle do médico com relação ao engajamento e adesão ao tratamento, já que elimina o risco da troca dos medicamentos nas farmácias.

Fonte: Guia da Farmácia
Foto: Shutterstock

Consumo de medicamentos por paulistas é de uma caixa e meia por mês

 

 

Deixe um comentário