fbpx

Como se hidratar corretamente para aproveitar o carnaval

Durante o Carnaval, a preocupação com a hidratação deve ser ainda maior, pois a animação dos foliões nos bloquinhos de rua por horas a fio pode fazer com que se esqueçam do essencial: tomar água

No verão, quando as temperaturas no Brasil ultrapassam facilmente os 30ºC, é importante prestar atenção aos sinais de perda de água no corpo, que podem levar a quadros severos de desidratação, causando complicações que vão desde convulsões à insuficiência renal e queda no volume de sangue, o que, consequentemente, afeta a pressão arterial.

Durante o Carnaval, a preocupação com a hidratação deve ser ainda maior, pois a animação dos foliões nos bloquinhos de rua por horas a fio pode fazer com que se esqueçam do essencial: tomar água.

“Precisamos de água para funções importantes, como a regulagem da temperatura do corpo, a manutenção da saúde da pele e das articulações, a digestão dos alimentos, a remoção de resíduos e para auxiliar o cérebro a trabalhar em sua melhor forma”, afirma a nutricionista e Gerente Científico da Divisão Nutricional da Abbott no Brasil, Patrícia Ruffo.

Atenção aos sintomas da desidratação

A desidratação pode tornar a maioria das pessoas irritáveis e letárgicas, mas os sintomas podem variar de idade para idade. “Os adultos podem apresentar tontura ou sentir sede, dor de cabeça, constipação ou pele seca, e a urina pode ser mais escura e concentrada do que o normal (geralmente transparente ou de cor amarela muito clara) ”, alerta a nutricionista.

Confira abaixo sete dicas de como se hidratar corretamente e garantir um ótimo Carnaval para a família inteira.

  1. Previna-se incluindo nutrientes que estimulam a hidratação

Para manter a hidratação, é necessário mais do que água. Eletrólitos e carboidratos são fundamentais, pois estes nutrientes são capazes de auxiliar o corpo a absorver qualquer líquido. Os eletrólitos, como sódio, cloreto, potássio, magnésio e cálcio são particularmente importantes, já que são indispensáveis para nervos e músculos saudáveis. Além disso, todos esses eletrólitos podem ser perdidos na transpiração.


2. Não se esqueça dos alimentos

A escolha de alimentos (não apenas bebidas) pode responder por aproximadamente 20% da ingestão diária de líquidos, sendo de grande ajuda para seu estado geral de hidratação. Felizmente, diversos alimentos disponíveis nos meses quentes do verão, como melão, melancia, laranja, tomates e morangos são naturalmente ricos em água, carboidratos e minerais, incluindo os importantíssimos eletrólitos. Outra opção é a mistura de água com frutas e vegetais frescos, como pepino, limão, laranja e hortelã que podem conferir a uma simples garrafa d’água uma dose extraordinária e saudável de sabor.

  1. Verifique a urina

A cor da urina também pode funcionar como um indicador simples do estado de hidratação. Se estiver amarela clara, provavelmente a pessoa está bem hidratada. Entretanto, urina de coloração amarela escura, como suco de maçã, geralmente pode indicar desidratação e necessidade de reidratação imediata.

  1. Lembre-se de repor os líquidos antes, durante e após o carnaval

A transpiração é um fator importante para a desidratação durante o verão. O suor se evapora da pele rapidamente, especialmente em temperaturas extremas. Por isso, lembre-se sempre de que a água é sua melhor companhia nestas horas para se hidratar corretamente.

  1. Beba líquidos à noite se planeja começar a folia logo pela manhã

Para se manter um passo à frente dos efeitos desastrosos da desidratação, é importante começar o dia hidratado. Se tiver alguma atividade programada para o período da manhã, é bom se hidratar à noite. O ideal é ingerir água duas horas antes de ir para cama e após acordar.  A razão para isso é iniciar o dia bem hidratado, principalmente em dias quentes.

  1. Escolha água (não refrigerante) durante os voos

Se planeja viajar de avião durante o Carnaval, é bom saber que aviões são conhecidos pela baixa umidade do ar, o que colabora para um estado de baixa hidratação após a aterrissagem. Uma dica é colocar uma garrafa vazia na bagagem de mão e, após passar pela segurança, enchê-la com a água dos bebedouros. Dispense os refrigerantes e bebidas com alto teor de açúcares que em nada ajudam na hidratação, já que sua alta concentração de açúcar pode interferir na capacidade do corpo para absorver água.

  1. Como prevenir e tratar a desidratação?

Para prevenir a desidratação é importante ingerir a quantidade de líquido adequada à faixa etária, especialmente em períodos de calor intenso ou prática de atividade física. Também é fundamental evitar o calor e a exposição excessiva ao sol.

 

Foto: Shutterstock

Fonte: Abbott

Deixe um comentário