fbpx

ESPM aborda o Gerenciamento por Categorias na Abrafarma Future Trends 2019

O Gerenciamento por Categorias, tema abordado pela ESPM no Abrafarma Future Trends 2019, merece a atenção das drogarias, pois auxilia a melhorar a experiência de compra do consumidor

A mudança de comportamento e a digitalização do shopper vem assustando muitos farmacêuticos. Não à toa, as palestras do Núcleo de Varejo da ESPM, no segundo dia da Abrafarma Future Trends 2019, contaram com filas para conseguir alguns dos disputados assentos.

O Núcleo abordou o relacionamento da indústria com o varejo e estratégias para o Gerenciamento por Categorias (GC). O consultor e professor de trade marketing da ESPM, Rogério Lima, apresentou o Guia Farma de Categorias e falou sobre a importância de se conhecer o shopper. Além disso, ele alertou para a oportunidade de contar com o auxílio da indústria para isso.

Veja Mais

Outra participação importante foi a do diretor da Consumer Health Business Unit do IQVIA, Rodrigo Kurata, que complementou a importância dessa colaboração. “As categorias de personal care, consumer health e cuidados do consumidor vêm crescendo, se destacando entre as vendas e merece atenção. A indústria deve ser uma aliada para aproveitar as oportunidades de vendas nessas categorias”, afirma Kurata. “Os Medicamentos Isentos de Prescrição (MIPs) e os cuidados pessoais são as categorias que mais crescem em vendas. Por isso, a necessidade de prover uma boa experiência de compra no autosserviço, priorizando essas categorias e garantindo a presença de todos os medicamentos no ponto de venda (PDV)”.

Estratégias para o gerenciamento de categorias

Kurata também apontou que mudanças, como melhorar a elasticidade das gôndolas e melhorar o mix de produtos, oferecendo o produto certo, ao consumidor certo, na hora certa, auxiliarão também em outras questões. “As lojas devem estar preparadas e valorizar o gerenciamento e o desenvolvimento de categorias. Assim, caso os MIPs começarem a ser vendidos em outros PDVs, o setor farmacêutico não sofrerá tanto impacto”.

O empresário e executivo, presidente do Grupo SSP, Paulo Gomes, também participou da rodada de palestras. Gomes afirmou que o varejo e a indústria devem trabalhar juntos. “Todos devemos focar no mesmo objetivo: a satisfação do cliente e a melhora na experiência de compra”.

Além disso, Gomes concluiu destacando que planos de categorias bem organizados nas farmácias podem gerar de 20% a 30% de aumento em vendas e lucros. “Caminhe pela loja, observe o fluxo e o comportamento dos consumidores. Às vezes nos esquecemos dessa estratégia tão simples e eficaz”.

Acompanhe mais insights do Abrafarma Future Trends 2019 através do Instagram do Guia da Farmácia: https://www.instagram.com/guiadafarmacia/.

Foto: Guia da Farmácia

Deixe um comentário