fbpx

Como o blockchain e o IoT agregam o gerenciamento do supply chain

Na indústria farmacêutica, o blochchain e o IoT podem atuar na rastreabilidade de medicamentos, auxiliando no gerenciamento do supply chain

A cadeia de suprimentos representa todos os elos envolvidos na criação e distribuição de mercadorias, desde as matérias-primas até o produto acabado que fica na posse do consumidor. Atualmente, as cadeias de suprimentos (supply chain, em inglês) abrangem centenas de estágios e dezenas de localizações geográficas, o que dificulta o rastreamento de eventos ou a investigação de incidentes.

Dessa forma, clientes e compradores não conseguem, de modo confiável, verificar e validar a real procedência dos produtos e serviços adquiridos. De modo que o preço pago por tais produtos e serviços não refletem o real custo de produção.

Além disso, a falta de transparência do supply chain torna difícil a investigação e a responsabilização de eventuais atividades ilícitas ocorridas ao longo da cadeia, o que explica os inúmeros casos de falsificação, trabalho forçado e os diversos escândalos nas cadeias de suprimentos que mancham a reputação e custam milhões às empresas envolvidas.

A complexidade e não integração das cadeias de suprimentos têm dificultado sobremaneira a ampla e eficiente rastreabilidade de ponta a ponta, bem como a fiscalização ao longo da cadeia.

Desafios atuais e riscos do supply chain

Empresas têm dificuldades de gerenciar mudanças repentinas de demanda e, nas operações de seus fornecedores, enfrentam embaraços para dominar fluxos de aquisição e informação. Isto porque, conquanto usem a terceirização para alavancagem de negócios, falham na busca da transparência ao longo de sua cadeia de suprimentos.

São inúmeros os exemplos de fraudes nas indústrias de alimentos, farmacêutica ou de automóveis que resultam, por sua vez, em altos prejuízos financeiros decorrentes de recalls e queda nas vendas.

Como a tecnologia blockchain, integrada a IoT, podem auxiliar?

A Internet das Coisas (IoT) vincula o mundo físico ao mundo digital, permitindo que decisões sejam tomadas com segurança, e comportamentos sejam eficazmente adaptados. Mediante coleta de dados do mundo real, comunicação, compilação desses dados em informações e, por fim, apresentação de resultados assertivos, o IoT atua complementarmente à tecnologia blockchain. Assim, possibilitando que sistemas e usuários agreguem dados, analisem tendências e realizem monitoramento preventivo. Ainda, vale destacar que IoT não abrange apenas os dispositivos, mas todo um sistema que deve ser efetivamente implementado.

Soluções em Blockchain e IoT podem, portanto, fornecer continuidade no compartilhamento de informações. Assim, auxiliando empresas a reduzir riscos operacionais, assegurando fluxos globais contínuos, confiáveis e invulneráveis. Isto é, agregam valor à cadeia de suprimentos, eis que ampliam a capacidade de controle e verificação dos fluxos provenientes de fornecedores. A tecnologia também possibilita o sistema de rastreamento confiável e compartilhado, sistema com benefícios significativos ao consumidor. O consumidor poderá, por exemplo, certificar-se de que seus bens são transportados nas condições e no tempo certos, verificar a origem das mercadorias e rastrear todo o processo de fabricação no blockchain, verificar e provar a autenticidade e procedência das mercadorias através dos dispositivos de IoT etc.

Gerenciamento do supply chain na indústria farmacêutica

Na indústria farmacêutica questões relacionadas à segurança de medicamentos na cadeia de suprimentos são um tema de extrema relevância. Isto porque, a rastreabilidade de ingredientes farmacêuticos “ativos” durante a fabricação é um processo difícil. Isso porque existe a falha na identificação de medicamentos que não contêm os ingredientes ativos e pode, em última instância, causar danos ao paciente ou até mesmo a morte do paciente final. Daí a importância do desenvolvimento de aplicações em Blockchain, capazes de fornecer uma base para a rastreabilidade completa de medicamentos, desde o fabricante até o consumidor final, e a capacidade de identificar exatamente onde a cadeia de suprimentos se rompe durante um problema.

Nesse quadro é que surge o blockverify. A solução que propõe o uso da rastreabilidade e transparência do blockchain para detectar e combater a fraude na indústria farmacêutica mediante recursos de IoT. Assim, “desincentivando” a distribuição de medicamentos falsificados.

Por fim, há o Riddle & Coce que desenvolve segurança para recursos de IoT usando tecnologias de contabilidade distribuída para manter dados e comunicações confidenciais.

Tecnologia e inovação no supply chain

A tecnologia blockchain, aliada a IoT, se mostra uma grande promessa para melhorar drasticamente a eficiência e confiabilidade do Supply Chain em todas as indústrias. De acordo com o Guia Mundial Semestral de Gastos com Blockchain 2017H1, em 2021, espera-se que os gastos anuais com blockchain alcancem 9,7 bilhões.

Foto: Shutterstock
Fonte: TI Inside

Deixe um comentário