Hypera Pharma é a campeã em Farmacêutica e Cosméticos no anuário Valor

A Hypera Pharma é a campeã da categoria “Farmacêutica e Cosméticos” do anuário Valor 1000 2019, que aponta as melhores em 25 setores e cinco regiões

A farmacêutica Hypera Pharma foi a primeira colocada na categoria “Farmacêutica e Cosméticos” do anuário Valor 1.000 2019. Os investimentos na expansão da capacidade produtiva, em inovação – principalmente no desenvolvimento de projetos incrementais – e no lançamento de novos produtos contribuíram para o bom desempenho registrado, no ano passado, pela Hypera Pharma no disputado mercado farmacêutico nacional. Além disso, também contribuíram para o reconhecimento no anuário Valor as operações da companhia, sustentadas por ações em marketing e pela ampliação do time de colaboradores. As áreas que ganharam colaboradores foram a comercial, de pesquisa e produção.

De acordo com o CEO da Hypera Pharma, Breno Oliveira, outro aspecto foi fundamental para os resultados. “Faz parte de nossa cultura a disciplina em relação a despesas com vendas e administrativas.” Uma sólida posição de caixa líquido possibilitou melhorar a rentabilidade e manter os investimentos em inovação, marketing e renovação das marcas de medicamentos da empresa que são líderes no mercado.

A Hypera Pharma cresceu 6,4% em 2018 em relação a 2017, com faturamento líquido de R$ 3,7 bilhões. O balanço relativo ao exercício passado apontou fluxo operacional acima de RS 1 bilhão. Além disso, contou com crescimento de 14,4% no período, margem de lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) superior a 35% e crescimento de 17,1 % no lucro líquido, para R$ RS 1,13 bilhão.

A operação da Hypera Pharma no mercado farmacêutico

A operação da Hypera Pharma no mercado farmacêutico brasileiro – o sexto maior do mundo – está organizada em três unidades de negócios. Uma delas é a de Medicamentos Isentos de Prescrição (MIPs), no qual detém a liderança. Na área de similares e genéricos, que atende por meio da marca Neo Química, o laboratório ocupa a vice-liderança. Contudo, na área de produtos de prescrição a farmacêutica está em sexto lugar. Os três segmentos têm pesos similares na composição dos negócios: o de prescrição médica responde por 40% do faturamento, enquanto os outros dois representam 30% cada um.

Entre os projetos executados em 2018, Oliveira destaca o de melhorias operacionais para suprir a crescente demanda do mercado. No complexo fabril na cidade de Anápolis (GO) foram aplicados em torno de RS 130 milhões. Com a aquisição de novos maquinários, otimização das instalações e melhoria contínua de processos, a Hypera Pharma aumentou em quase 15% a sua capacidade produtiva e conseguiu melhorar a eficiência logística. A inovação, um dos pilares do crescimento sustentável da Hypera, absorveu 5% da receita líquida da companhia no ano passado. As atividades nesta área se concentram no Hynova, o centro de pesquisa farmacêutica. Ele abriga mais de 400 profissionais qualificados, entre mestres e doutores. Dessa forma, eles buscam o desenvolvimento de medicamentos, dermocosméticos e nutracêuticos, utilizando tecnologia de ponta.

Planos da Hypera Pharma para o futuro

Para o exercício de 2019, o plano é manter a estratégia de investir em inovação. Dessa forma, lançando novos produtos e garantindo o crescimento da operação fabril. Até junho, foram destinados quase R$ 90 milhões à planta de Anápolis (GO). O time responsável pela visitação médica – que realiza mais de 200 mil visitas a médicos por mês – aumentou em 15% em relação ao final do ano passado. E para pesquisa e desenvolvimento de novos produtos foram destinados 6% da receita líquida.

Entre as novidades apresentadas ao mercado até agora constam o Vitasay 50+. Assim, marcando o ingresso da companhia no mercado de polivitamínicos. Os polivitamínicos são considerados uma das maiores categorias do varejo farmacêutico brasileiro.

No portfólio de ofertas destacam-se 11 produtos que são o carro-chefe da operação da Hypera Pharma. Eles representam cerca de 40% das vendas. São marcas com faturamento acima de R$ 100 milhões cada uma. Nesta lista estão produtos antigripais, como o Benegrip, e adoçantes, como o Zero-Cal, além dos medicamentos Addera D3, Alivium, Coristina D, Episol, Epocler, Lisador, Neosoro, PredSim e Torsilax. Até 2023, a empresa espera ganhar mais 17 representantes.

A Hypera Pharma tem como meta alcançar lucro líquido de RS 1,2 bilhão este ano, o que representa uma expansão de 9,5% em relação ao obtido em 2018. No balanço relativo ao segundo trimestre de 2019, a companhia reportou lucro líquido de R$ 336,9 milhões. Este valor representa alta de 21,3% em comparação com o mesmo período do ano passado. A receita líquida cresceu 5,8%, para RS 973,5 milhões.

Outras presenças no anuário Valor

Além da Hypera Pharma, a lista contou com a presença da Blau, Cálamo, Aché, Cristália, Roche, Aspen Farmacêutica, Natura, Eurofarma e Germed.

Foto: Shutterstock
Fonte: Valor Econômico

Ranking IBEVAR elenca as maiores e mais admiradas varejistas do País

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário