Cetoprofeno: o que é, para o que serve, contraindicações e como tomar

O medicamento combina ações anti-inflamatória e analgésica e é indicado para tratar diversas situações

Pessoas que sofrem com processos reumáticos ou que tiveram alguma lesão traumática, como contusões, fraturas e luxações, sabem que a importância de medicamentos para ajudar na dor e controle inflamatório da enfermidade. 

O cetoprofeno é uma dessas opções. O medicamento combina ações anti-inflamatória e analgésica e é indicado para tratar diversas das situações citadas. Porém, se usado de maneira indiscriminada, também pode causar reações adversas. 

O que é o cetoprofeno?

O cetoprofeno é um agente anti-reumático, anti-inflamatório, analgésio, antipirético, antigotoso, antidismenorreico e supressor da cefaleia vascular. É um analgésico anti-inflamatório não esteroide derivado do ácido propiônico, relacionado com o diclofenaco, ibuprofeno, naproxeno e o ácido tiaprofênico. 

Ibuprofeno: o que é, indicações e como usar para dor e febre 

Para o que serve?

O cetoprofeno é um medicamento anti-inflamatório, analgésico e antipirético, sendo indicado no tratamento de inflamações e dores decorrentes de processos reumáticos e traumatismos, e, em dores em geral.

Ele é indicado para algumas das enfermidades a seguir:

Processos reumáticos: artrite reumatoide, espondilite anquilosante, gota, condrocalcinose, reumatismo psoriático, síndrome de Reiter, pseudo-artrite rizomélica, lúpus eritematoso sistêmico, esclerodermia, periarterite nodosa, ósteo-artrites, periartrite escápulo-umenal, bursites, capsulites, sinovites, tenossinovites, tendinites, bem como epicondodilites; lesões traumáticas, como contusões e esmagamentos, fraturas, entorses, luxações; algias diversas, como nevralgias cérvico-braquial, cervicalgia, lombalgia, ciática. 

Contraindicações do cetoprofeno?

O medicamento é contraindicado no caso de pacientes com hipersensibilidade ao cetoprofeno ou a outros anti-inflamatórios (inibidores da síntese de prostaglandinas) incluindo o ácido acetilsalicílico; portadores de úlcera gastroduodenal em evolução, bem como insuficiência hepatocelular grave e insuficiência renal grave

Além disso, ocetoprofeno também não deve ser utilizado por pacientes em tratamento com anticoagulantes (risco de hematoma, assim como para todos os medicamentos injetáveis por via intramuscular) nem por crianças menores de 15 anos.

Além disso, o fármaco não deve ser administrado concomitantemente a outros anti-inflamatórios não esteroides; anticoagulantes orais, heparina, ticlopidina, hipoglicemiantes orais, lítio, metotrexato e uso de dispositivos intrauterinos (DIU). Com alguns outros medicamentos, o uso concomitante requer cuidados especiais.

comprimido-tomar-cetoprofeno

Gestantes podem fazer uso do medicamento?

O uso de cetoprofeno é contraindicado durante os três primeiros meses e também durante o terceiro trimestre da gestação, pois todo inibidor da síntese de prostaglandinas pode causar toxicidade cardiopulmonar e toxicidade renal no feto.

Também pode causar aumento do tempo de sangramento das mães e dos fetos, assim, levando ao aparecimento de eventuais manifestações hemorrágicas no recém-nascido. Provoca risco de retardar o trabalho de parto. Portanto, a prescrição de anti-inflamatórios não esteroides durante o primeiro e o segundo trimestre da gestação deve ser considerada somente se absolutamente necessária, e pesando-se a relação risco-benefício. 

Como medida de precaução, deve-se evitar a administração do cetoprofeno durante a amamentação, isso porque há dados mostrando a excreção dos anti-inflamatórios não esteroides no leite materno. 

Efeitos colaterais

Manifestações gastrintestinais: desconforto gastrintestinal, dor epigástrica, náusea, vômitos, constipação e diarreia. Os efeitos adversos mais graves são: ulceração gastroduodenal,bem como  hemorragia digestiva e perfuração intestinal. Na dose de 200 mg por dia, por via oral, o cetoprofeno provoca um aumento dose-dependente de sangue oculto nas fezes.

Reações de hipersensibilidade

Dermatológicas: erupção cutânea, exantema, prurido, bem como exacerbação de urticária crônica.

Respiratórias: possibilidade de aparecimento de crise asmática, principalmente em pacientes alérgicos ao ácido acetilsalicílico ou outros anti-inflamatórios não esteroides.

Foram relatados, muito raramente, casos de angioedema e choque anafilático.

Efeitos no sistema nervoso central: vertigem, tonturas, sonolência e cefaleia, distúrbios do humor, bem como parestesias e convulsões.

Reacões cutâneas: raramente pode ocorrer dermatose bolhosa (síndrome de Stevens-Johnson e síndrome de Lyell).

Distúrbios visuais: borramento da visão.

Outras: Algumas modificações biológicas puderam ser observadas:

Diminuição moderada dos níveis de hemoglobina e alguns casos de leucopenia sem gravidade.

Possibilidade de agravamento de insuficiência renal pré-existente.

Foram também observadas as seguintes reações: incidência maior que 3% – edema, nervosismo, problemas para dormir; incidência de 1 a 3% – irritação do trato urinário, zumbido nos ouvidos; incidência menor que 1% – hematúria, calafrios, confusão, perda de memória, dor de garganta, febre, cansaço ou debilidade não habituais, bem como melena e hematemese.

Ibuprofeno: o que é, indicações e como usar para dor e febre 

Amoxicilina: o que é, para o que é indicado e efeitos colaterais 

Como tomar o cetoprofeno? Quantas vezes por dia posso tomar?

De acordo com a bula, o medicamento pode ser usado duas ou três vezes ao dia (de acordo com a orientação médica). As cápsulas devem ser tomadas, preferencialmente, durante ou após as refeições. 

Quanto tempo demora para fazer efeito?

O efeito do medicamento costuma demorar entre um e duas horas após sua ingestão. 

Quanto custa o cetoprofeno?

O cetoprofeno está disponível como medicamento genérico de diversos laboratórios. Seu preço médio é de R$ 25, mas esse valor pode variar.

tomar-capsula-cetoprofeno

Precisa de receita?

Não. De acordo com a Lista de Medicamentos Isentos de Prescrição do Ministério de Saúde, o cetoprofeno pode ser comprado sem o documento. 

Conclusão

O cetoprofeno é um anti-inflamatório, analgésico e antipirético, indicado no tratamento de diversas inflamações e dores de doenças crônicas, como artrite reumatoide, espondilite anquilosante e lúpus eritematoso sistêmico. Além de fraturas, lombalgias, bem como luxações, entre outras. 

Uma de suas principais reações adversas é o desconforto gastrintestinal. Por isso, é recomendado que o medicamento seja ingerido sempre durante ou após as refeições. Caso sinta essa reação ou qualquer coisa, não deixe de consultar seu médico.

Ainda que o cetoprofeno possa ser comprado sem prescrição médica, o uso de medicamentos anti-inflamatórios deve ser feito com responsabilidade e, de preferência, com acompanhamento de seu profissional de confiança.

Aparelho gastrointestinal: um sistema, múltiplas funções 

Fontes:

Bula ao paciente da EMS

Blog da saúde

 

Fonte: Guia da Farmácia

Fotos: Shutterstock

Não se automedique, consulte um profissional de saúde.

Indique para um amigo ... Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário